Botafogo anuncia demissão de Ramón Díaz e o retorno de Eduardo Barroca

Botafogo anuncia demissão de Ramón Díaz e o retorno de Eduardo Barroca

Técnico argentino foi apresentado, viajou para uma cirurgia no Paraguai e só teria alta no dia 7 de dezembro

Correio do Povo

Devido a um problema de saúde, Ramón Díaz não treinou o Botafogo e acabou demitido

publicidade

O Botafogo anunciou na manhã desta sexta-feira que o técnico Ramón Díaz não é mais técnico do clube. No mesmo comunicado, o clube carioca informou que Eduardo Barroca retorna ao comando da equipe. Barroca fará a última atividade com o Vitória e depois se apresenta no Rio de Janeiro.

Díaz foi apresentado no 10 de novembro de 2020 no estádio Nilton Santos e, no dia seguinte, viajou para o Paraguai para passar por uma cirurgia. O quadro de saúde do argentino de 61 anos se agravou e o prazo de uma possível alta é no dia 7 de dezembro. Como o clube da Estrela Solitária vive situação difícil no Brasileirão, a direção optou pela troca na comissão técnica.

Desde a apresentação, o Botafogo era comandado pela comissão técnica de Diáz. No período, o clube carioca perdeu para o RB Bragantino e para o Fortaleza, ambos os jogos por 2 a 1, em casa. Na quarta-feira, foi superado pelo Atlético-MG, pelo mesmo placar, em Belo Horizonte.

Os cariocas ocupam a 19ª colocação do Brasileirão com 20 pontos, a cinco do Sport, primeiro clube fora da zona de rebaixamento. E a quatro do Goiás, lanterna da competição.

Barroca teve excelente passagem pelas categorias de base de Botafogo e chegou a comandar os profissionais no ano passado, entre abril e outubro. No dia 6 de outubro, acertou com o Atlético-GO. Ao deixar o clube goiano, em dezembro, acertou com o Coritiba. Demitido da agremiação paranaense foi contratado em outubro pelos baianos.

Eduardo Barroca volta ao Botafogo após rápidas passagens pelo Atlético-GO, Coritiba e Vitória - Foto: Botafogo / Divulgação / CP


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895