Chefe da Renault diz que carro da McLaren é "ilegal"
capa

Chefe da Renault diz que carro da McLaren é "ilegal"

FIA fez inspeção técnica e não encontrou irregularidades

Por
AE

Chefe da Renault diz que carro da McLaren é ``ilegal´´

publicidade

A temporada 2010 da Fórmula 1 mal iniciou e já começaram as polêmicas entre as equipes. Apesar de ter sido aprovado na inspeção técnica da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) antes dos treinos para o GP do Bahrein, que iniciaram nesta sexta-feira, o carro da McLaren foi acusado pela Renault de ser "ilegal".

A polêmica é com relação ao aerofólio traseiro do modelo MP4-25, que não estaria dentro dos padrões do regulamento técnico da Fórmula 1. "Está claro que o design da asa da McLaren é totalmente ilegal", criticou o chefe da Renault, Bob Bell, após a FIA ter aprovado o carro da equipe inglesa.

A Red Bull também já tinha reclamado anteriormente do carro da McLaren, o que provocou a inspeção feita pela FIA na quinta-feira. Mas, como o modelo foi liberado, os pilotos ingleses Jenson Button e Lewis Hamilton foram normalmente para a pista nos treinos livres que aconteceram nesta sexta no Bahrein.


Sutil faz o melhor tempo nos treinos livres

No primeiro treino livre do GP do Bahrein, nesta sexta-feira, o piloto Adrian Sutil, da Force India, surpreendeu e fez o melhor tempo, desbancando os principais nomes da categoria. Foi apenas o primeiro treino oficial da temporada, em que as equipes e os pilotos ainda começam a se acertar, mas Sutil pôde sentir o gostinho de ter largado na frente. O alemão deu 18 voltas na pista do circuito de Sakhir e cravou o tempo de 1m56s583 na melhor delas.