Clubes brasileiros e europeus se solidarizam com tragédia no Flamengo
capa

Clubes brasileiros e europeus se solidarizam com tragédia no Flamengo

Equipes usaram redes sociais para manifestar apoio clube carioca

Por
Correio do Povo

Incêndio deixou 10 mortos e três pessoas feridas no Centro de Treinamento do Flamengo, em Vargem Grande, Zona Oeste do Rio de Janeiro

publicidade

"O Flamengo está de luto". Foi com essa frase, postada em uma imagem com fundo preto e o símbolo da esquie, que o clube carioca fez sua primeira manifestação oficial após o incêndio que destruiu parte do seu Centro de Treinamentosconhecido popularmente como Ninho do Urubu, e deixou 10 mortos na madrugada desta sexta-feira. A tragédio, que vitimou jovens entre 14 e 17 anos, chocou o mundo do futebol e times de diferentes países usaram as redes sociais para se solidarizar com o rubronegro. Do Brasil à Europa, mensagens de apoio foram postadas em uma rede de solidariedade.

O Grêmio disse que "a sexta-feira amanheceu triste com a notícia da tragédia no Ninho do Urubu". "Manifestamos nosso sentimento e nossa solidariedade aos familiares e amigos das vítimas, bem como ao @Flamengo e seus torcedores. #ForçaFlamengo", postou o clube em seu Twitter.

Na mesma plataforma, o Inter disse: "Estamos consternados com o trágico incêndio ocorrido no Ninho do Urubu, o CT das categorias de base do @Flamengo. Manifestamos nossa solidariedade ao clube, à torcida e aos familiares e amigos das vítimas neste momento de dor".

Principal adversário do Flamengo, com quem disputaria o clássico neste sábado (a partida foi cancelada), deixou a rivalidade de lado. O Tricolor também disse que não há clima para treino. "As atividades do dia foram canceladas. Jogadores e membros da comissão técnica se solidarizam com as vitimas e familiares da tragédia que aconteceu no Ninho do Urubu. O Fluminense Football Club decretou luto oficial de três dias", anunciou. O Botafogo e o Vasco, outras importantes equipes do Rio, também se manifestaram e disseram que os treinos foram cancelados.

Comoção Internacional

Além de extrapolar a rivalidade das quatro linhas, a tragédia também atravessou o oceano. Clubes estrangeiros também demonstraram apoio ao Flamengo neste momento de luto, da América à Europa.