COI considera "prematura" uma decisão sobre Tóquio-2020
capa

COI considera "prematura" uma decisão sobre Tóquio-2020

Thomas Bach afirmou que entidade considera "cenários diferentes" por conta da pandemia do novo coronavírus

Por
AFP

Thomas Bach afirmou que o COI considera cenários diferentes por conta da Covid-19


publicidade

O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, disse nesta sexta-feira que seria "prematuro" adiar os Jogos de Tóquio (24 de julho a 9 de agosto) por conta da pandemia do novo coronavírus, embora tenha dito que o COI estava "considerando cenários diferentes". 

"Para nós, não seria responsável hoje e seria prematuro entrar em especulações e tomar uma decisão", disse Bach ao jornal New York Times ao falar sobre as Olimpíadas na capital japonesa. "Não sabemos qual será a situação. É claro que estamos considerando cenários diferentes, mas estamos numa situação muito diferente de muitas outras organizações esportivas ou ligas profissionais no sentido de que estamos a quatro meses e meio dos Jogos", acrescentou o representante máximo do Olimpismo. 


O COI continua comprometido em realizar o evento, apesar de praticamente todo o esporte mundial estar paralisado pela pandemia da Covid-19. Muitos atletas já expressaram preocupação de que as medidas adotadas em muitos países tornem impossível a preparação adequada. Na terça-feira, o COI considerou "nenhuma decisão radical necessária", em um dia em que a Eurocopa e a Copa América foram adiadas de 2020 para 2021.