Deportivo Táchira goleia Always Ready por 7 a 2 e complica o Inter na Libertadores
patrocinado por

Deportivo Táchira goleia Always Ready por 7 a 2 e complica o Inter na Libertadores

Colorado terá obrigação de pontuar contra Olímpia ou não vai mais depender só das suas forças

Correio do Povo

Venezuelanos não tomaram conhecimento do adversário boliviano

publicidade

O Deportivo Táchira patrolou o Always Ready, nesta quarta-feira na Venezuela, e deixou o Inter na obrigação de buscar um resultado positivo contra o Olímpia. Com o 7 a 2, os venezuelanos lideram o Grupo B da Libertadores, com nove pontos, e colocam pressão sobre o Colorado para a partida desta quinta. Depois da goleada no Beira-Rio, a equipe venezuelana teve sua revanche em casa e busca ainda mais na tabela de pontuação.

Veja Também

Em Assunção, no Paraguai, o Inter de Miguel Angel Ramírez terá de conquistar ao menos um empate, ou não dependerá mais das próprias forças para avançar às oitavas de final. Pior, a igualdade na última rodada - dia 26 às 19h - no jogo entre Olímpia e Táchira, classificaria os dois adversários sul-americanos, com 10 pontos.

Embalada dentro de casa, a equipe venezuelana foi para cima dos atônitos bolivianos e empilhou gols no primeiro tempo. Aos 12, Freddy Góndola abriu o placar. Um pênalti aos 24 permitiu a Maurice Cova ampliar e antes da virada da etapa, Chacón e Lucas Gómez anotaram 4 a 0 para a goleada inapelável.

Com o Always Ready nada preparado, Góndola ampliou para 5 a 0 sem nem o ponteiro virar dois minutos da etapa final. O brasileiro Vander tentou reduzir o prejuízo com seu gol aos 10, mas a resposta venezuelana veio seis minutos depois. Michael Cover cravou 6 a 1.

Uma penalidade ainda permitiu ao Always Ready reagir aos 23, mas o Táchira queria saldo. Aos 29, Douglas Angarita finalmente encerrou o massacre com o 7 a 2.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895