Filha posta foto com Pelé: "Hoje deu dois passos para frente"
patrocinado por

Filha posta foto com Pelé: "Hoje deu dois passos para frente"

Kely Nascimento reconheceu que pai não se sentiu bem na última quinta, mas agora está "dentro do quadro normal"

R7

Kely Nascimento fez questão de postar foto de hoje ao lado do pai Pelé

publicidade

Kely Nascimento fez questão de tranquilizar os fãs de Pelé na tarde desta sexta-feira. A filha do Rei do Futebol postou uma foto com o pai no hospital. Nem a família, o staff ou o Hospital Albert Einstein confirmaram a informação da volta do ex-jogador para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI). 

Segundo Kely, fruto do relacionamento de Pelé com a sua primeira mulher, Rosemeri dos Reis Cholbi, a família não quer ser motivo de “mais ansiedade pelo mundo” de hoje. “Esta foto foi tirada agora mesmo. Ele está de colete porque é santista e o frio de São Paulo incomoda!”, escreveu Kely, que reconheceu que o pai não esteve bem na última noite. 

Sem entrar em detalhes do que aconteceu, — havia a preocupação com uma piora no quadro de saúde em relação ao tumor descoberto no intestino — Kely disse que o Atleta do Século está se recuperando bem e dentro do quadro normal. “Ele não gosta quando eu falo isso, então por favor não conta pra ele, mas ele é um senhor (velhinho). No quadro normal de um senhor da idade dele, depois de uma operação dessas, às vezes são dois passos para frente e um para trás. É muito normal. Ontem, ele estava cansado e deu um passinho pra trás. Hoje, ele deu dois pra frente!”, escreveu a filha. 

Pelé deu entrada no Albert Einstein, na zona sul da capital paulista, em 31 de agosto, para a realização de exames de rotina, que haviam ficado atrasados por conta da pandemia do novo coronavírus. Quatro dias depois, passou por uma cirurgia para a retirada de um tumor no cólon direito. O material foi enviado para biópsia e o resultado até hoje não foi divulgado. Pelé teve alta da UTI confirmada, na última terça.

Em recente publicação, Kely já havia dito que o pai se recuperava bem e o mau-humor se dava por conta de uma dieta restrita à gelatina. Pelé segue sem previsão de alta hospitalar. 

De acordo com o último boletim médico, o Atleta do Século é acompanhado pelos médicos Fabio Narsi (geriatra e endocrinologista), Alberto Goldenberg (cirurgião do aparelho digestivo) e Miguel Cendoroglo Neto (diretor-superintendente médico e serviços hospitalares). No próximo 23 de outubro, Pelé completa 81 anos.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895