Bolzan tenta a desconvocação de Everton, mas não tem “esperança” de êxito
capa

Bolzan tenta a desconvocação de Everton, mas não tem “esperança” de êxito

Presidente do Grêmio esteve reunido com a direção da CBF no Rio de Janeiro

Por
Correio do Povo e Rádio Guaíba

Grêmio tenta ter Everton contra o líder Palmeiras no jogo do dia 14

publicidade

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan, esteve na Confederação Brasileira de Futebol (CBF) na última sexta-feira e se reuniu com a direção da instituição responsável pela organização do futebol. Entre os temas tratados, um novo calendário para o futebol brasileiro, os direitos de imagem para venda dos campeonatos nacionais no exterior e um pedido de desconvocação de Everton.

“Pelo que entendi, o assunto (sobre o atacante) foi pauta da CBF e creio que vão retomar o assunto. Não alimento muitas esperanças, mas não podia deixar de tentar. Para ficar bem claro, foi uma conversa e não um pedido formal”, declarou Bolzan.

O presidente expôs o descontentamento com a convocação do atleta no momento decisivo do Campeonato Brasileiro, ainda mais quando a regra era não chamar nenhum jogador de clubes envolvidos com as decisões. “Esperamos que ocorra a sensibilidade da CBF e a desconvocação do Everton, pois fomos o único dos clubes brasileiros com convocados. Depois da rodada do final de semana, o campeonato ficou completamente aberto e teremos um jogo decisivo contra o Palmeiras”, afirmou.

Os jogos da Seleção serão contra a Arábia Saudita, no dia 12, e contra a Argentina, dia 16. Desta forma, Everton perderia o jogo contra o líder, marcado para o dia 14, às 16h, no Pacaembu. “Temos que ter uma resposta está semana, pois, na próxima, não dará mais tempo”, ressaltou Bolzan.

O Grêmio não fará nenhuma movimentação para tentar a liberação de Kannemann junto a AFA, já que se trata de uma confederação de um país vizinho. O grupo do Tricolor volta aos treinos a partir das 15h30min para a segunda atividade antes do jogo de volta, na terça-feira, contra o Atletico Tucumán, pelas quartas da Libertadores. A partida na Arena está marcada para as 21h45min.