Em jogo de duas viradas, garotos do Grêmio perdem por 3 a 2 para o Goiás
capa

Em jogo de duas viradas, garotos do Grêmio perdem por 3 a 2 para o Goiás

Tricolor apresentou bons momentos ofensivos, mas defesa sofreu na derrota no Serra Dourada na despedida de 2019

Por
Correio do Povo

Goiás de Michael venceu por 3 a 2 em jogo de duas viradas


publicidade

O Grêmio não tinha mais nenhum grande objetivo a cumprir nesta última rodada de Brasileirão. Por conta disso, levou ao Serra Dourada, em Goiânia, na tarde deste domingo, um time formado por garotos e sem Renato Portaluppi. Os jovens até viveram bons momentos ofensivos, mas problemas apresentados na defesa resultaram em uma derrota pelo placar de 3 a 2, no último jogo do ano em 2019.

O jogo foi movimentado e com duas viradas. Rafael Moura abriu o placar para o Goiás, enquanto Patrick e Isaque viraram para o Tricolor, ainda no primeiro tempo. Novamente com Rafael Moura, o esmeraldino buscou o empate na etapa inicial. Já no segundo tempo, Yago Felipe marcou para assegurar a vitória.  

Com o resultado, o Grêmio encerrou a participação no Brasileirão na 4ª posição, com 65 pontos. Agora, o Tricolor entra em férias e só volta a jogar em 2020. A estreia no Campeonato Gaúcho acontece no dia 22 de janeiro, contra o Caxias, na Arena.

Primeiro tempo com quatro gols

O Grêmio já havia conquistado o principal objetivo na temporada há duas rodadas. Com a vaga direta à fase de grupos da Libertadores de 2020 assegurada e a vitória sobre o Cruzeiro na quinta-feira, o técnico Renato Portaluppi deu férias ao grupo principal, e sequer esteve à beira do campo em Goiânia. Com um grupo recheado de garotos e comandado por Pepê, a tarde no Serra Dourada era para observar os jovens comandados por Victor Hugo Signorelli.

Mas foi o Goiás, já classificado para a Sul-Americana e com força máxima diante de seu torcedor, quem abriu o placar. Logo aos três minutos de jogo, após cobrança de escanteio pelo lado esquerdo de ataque, Rafael Moura subiu mais que a jovem defesa do Tricolor para, de cabeça, abrir o placar no Serra Dourada.

Em vantagem no placar e com um grupo mais experiente e acostumado ao tamanho do jogo de Série A, o Goiás controlou as ações nos minutos iniciais e obersvou um Grêmio nervoso, com os garotos errando passes e tomadas de decisões. Aos 16, Darlan fez falta dura em Yago Felipe e foi advertido com cartão amarelo, ilustrando que a equipe parecia sentir a partida.

No entanto, não demorou para o Grêmio equilibrar as ações, passando a se sentir mais confortável na partida. Com isso, chegou ao gol de empate aos 23 minutos. Ferreira recebeu lançamento longo pela direita, driblou um defensor do Goiás, foi até o fundo e escorou para Patrick. Travado na primeira, conseguiu mandar para as redes no segundo chute, igualando o marcador em 1 a 1.

Com a igualdade, aos poucos, os jovens jogadores do Grêmio passaram a se soltar, mostrando um pouco mais de confiança para construir as jogadas. O Tricolor passou a procurar mais o campo de ataque, com Pepê e Ferreira buscando o drible e a jogada individual. De novo com Ferreira pela direita, levando ampla vantagem sobre Marcelo Hermes, cruzou para Isaque, de letra, completar. Ele contou com falha de Tadeu para chegar à virada, aos 37 minutos.

Mas, se o ataque funcionava bem, a defesa voltou a apresentar falhas nos minutos finais. Em lance que pareceu replay do primeiro gol, em novo escanteio pela esquerda de ataque do esmeraldino, a bola foi cruzada até Rafael Moura. De novo de cabeça, o centroavante igualou o placar em 2 a 2 aos 44 do primeiro tempo, levando o jogo em igualdade ao intervalo.

Goiás melhora, vira e bate o Grêmio no segundo tempo

 As duas equipes voltaram sem trocas para a etapa final. A única modificação tática ocorreu no time do Grêmio, com Ferreira passando para o lado esquerdo de ataque. Após a inversão, ele chegou a construir mais um gol para o Tricolor, naquela que seria sua terceira assistência no jogo. Isaque foi lançado e mandou para as redes, mas o árbitro de vídeo flagrou impedimento, e a jogada foi anulada.

O Goiás melhorou sua produção ofensiva na volta para a segunda etapa após o susto, especialmente pelo lado direito. Foi por esse setor que o gol da segunda virada da partida foi construído, aos 20 minutos. Leandro Barcia avançou por ali e, de longe, mandou um chute forte no travessão. Na sequência, após dois lances de bate-rebate, ela sobrou para Yago Felipe. De fora da área, mandou no canto direito de Megiolaro, para fazer 3 a 2.

Novamente atrás, o Tricolor não voltou a encontrar boas jogadas ofensivas. O Goiás de Ney Franco corrigiu a marcação, e as jogadas em velocidade pelo lado de campo, que funcionaram bem na primeira etapa, não apareceram novamente. Amarrado, a jovem equipe não conseguiu criar oportunidades. Com a vantagem no placar, o Goiás simplesmente observou o tempo passar até o apito final que assegurava sua vitória.

Brasileiro 2019 - 38ª rodada

Goiás 3

Tadeu; Yago Rocha, Fábio Sanches, Rafael Vaz e Marcelo Hermes; Gilberto Jr. (Dudu), Léo Sena e Yago Felipe; Leandro Barcia, Michael e Rafael Moura. Técnico: Ney Franco

Grêmio 2

Megiolaro; Felipe, Ruan, Rodrigues (Emanuel) e Juninho Capixaba; Matheus Frizzo, Darlan e Patrick; Ferreira (Robert), Pepê e Isaque. Técnico: Victor Hugo Signorelli

Gols: Rafael Moura (3/1T, 44/1T) e Yago Felipe (20/2T); Patrick (23/1T) e Isaque (37/1T)

Cartões amarelos: Leandro Barcia (Goiás); Darlan (Grêmio)

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)


Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)