Felipão adota novo estilo de jogo no Grêmio

Felipão adota novo estilo de jogo no Grêmio

Técnico terá três retornos e uma ausência para enfrentar o Fluminense, no sábado, no Maracanã

Rafael Peruzzo

Felipão priorizou o sistema defensivo nos primeiros jogos da sua quarta passagem como técnico do Grêmio

publicidade

O pouco tempo de treinamento não impediu Luiz Felipe Scolari de fazer mudanças significativas no Grêmio. A principal delas, na estrutura tática e, consequentemente, na maneira de jogar. No Gre-Nal, as alterações foram notadas de uma forma mais discreta. Porém, na vitória sobre a LDU, terça-feira, em Quito, elas apareceram de um modo bem mais contundente.

O time foi competitivo, como há algum tempo não se via. O sistema defensivo muitas vezes apresentava uma linha de seis jogadores. A construção desse novo Grêmio de Felipão começa pela defesa, que não ficou tão exposta. “O Grêmio vinha jogando de uma forma e eu modifiquei. Os dois estilos são bons”, diz Felipão.

A equipe, que há alguns anos jogava na maior parte da partida com a posse de bola, propondo o jogo, está alterando sua característica. Na vitória por 1 a 0 sobre a LDU, a estratégia foi nitidamente a de dar a bola ao adversário e atuar de forma reativa, no contragolpe. O Grêmio não sofreu gols. E voltou a marcar depois de cinco jogos sem balançar as redes adversárias.

A partir de agora, ao menos nessas primeiras semanas de trabalho de Felipão, essa deve ser a rotina. O time será pragmático e priorizará o resultado, independentemente do desempenho, do jogo mais vistoso. “Estamos passando por dificuldades grandes no momento. O mais importante é ter um grupo com uma mentalidade para superar esses obstáculos”, acrescenta o treinador.

Mas, se na Copa Sul-Americana a vantagem é considerada boa e a classificação às quartas de final ficou mais próxima, no Brasileirão o time precisar reagir urgentemente para, primeiro sair da lanterna, e depois deixar para trás a zona de rebaixamento, o que só será possível com uma série de bons resultados.

“O maior problema do Grêmio no momento são os três pontos no Campeonato Brasileiro. A vitória (contra a LDU) vai nos ajudar psicologicamente para o próximo jogo do Brasileiro. A gente precisa sair dessa dificuldade em que estamos”, completa Felipão. O Grêmio enfrenta o Fluminense, sábado, no Maracanã, buscando a primeira vitória.

Três retornos e uma ausência

A vitória sobre a LDU certamente colocará dúvidas na cabeça de Felipão. O desempenho satisfatório de Vanderson e Ruan no setor defensivo, e Lucas Silva e Fernando Henrique no meio-campo, os colocam na briga pela titularidade. Para enfrentar o Fluminense, sábado, no Maracanã, o treinador poderá contar com os retornos de Rafinha, Geromel e Victor Bobsin.

Resta saber se o técnico vai realmente optar pela volta dos três atletas que foram preservados do jogo em Quito ou apostará na continuidade daqueles que deram boa resposta no jogo de terça-feira.

Quem terá sequência é Jean Pyerre. O meia foi protagonista no Equador e ganhou elogios de Felipão. O atacante Douglas Costa foi liberado pela direção para realizar sua festa de casamento.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895