Grêmio busca empate com o Flamengo, mas segue afundado na zona do rebaixamento

Grêmio busca empate com o Flamengo, mas segue afundado na zona do rebaixamento

Com um a menos, Tricolor chegou a estar atrás por dois gols, mas empatou em 2 a 2

Nicholas Lyra

Grêmio só empatou com o Flamengo na Arena

publicidade

O Grêmio viveu mais uma noite dramática na tentativa de fugir do rebaixamento. Saiu atrás no placar e, com um a menos, chegou a estar perdendo por 2 a 0 para os reservas do Flamengo de Renato Portaluppi, na noite desta terça-feira, em jogo atrasado pela segunda rodada do Brasileirão, na Arena. Ainda buscou um 2 a 2 nos minutos finais para somar mais um ponto na luta contra o rebaixamento. O ponto somado, contudo, não muda muito a situação desesperadora, já que o Tricolor é 18º, com 36 pontos, quatro a menos que o Juventude, primeiro time fora do Z-4.

Os gols foram marcados no segundo tempo. Vitinho, duas vezes, anotou para o Flamengo. Borja, logo depois de entrar, descontou para o Grêmio. Quem definiu o empate, já no fim, foi Ferreira. O Grêmio volta a campo na sexta-feira, quando enfrenta o Bahia, às 19h. A partida, válida pela 36ª rodada, acontece na Arena Fonte Nova e será decisiva para as pretensões de seguir na Série A. 

Veja Também

Primeiro tempo com poucas emoções

Vagner Mancini optou por repetir ao máximo o time que venceu Red Bull Bragantino e Chapecoense. Por conta das dores no quadril do zagueiro Kannemann, foi forçado a substituí-lo por Ruan. Mesmo com os retornos de Villasanti e Borja, optou por manter a volância com Lucas Silva e Thiago Santos, e Diego Souza no comando de ataque. No gol, Gabriel Grando seguiu na posição.

Mais interessado que o Flamengo na partida, o Grêmio criou a primeira chance clara de gol. Após cruzamento da direita, feito por Ferreira próximo à linha de fundo, Jonatha Robert cabeceou no segundo pau. A bola venceu o goleiro Hugo, que só olhou. Coube ao zagueiro Gustavo Henrique salvar, em cima da linha, o que seria um gol certo do Grêmio aos 16 minutos.

O Flamengo, por sua vez, teve muita dificuldade para criar. Na primeira meia hora de jogo, sequer finalizou na direção do gol de Gabriel Grando. Com Diego e Thiago Maia se revezando na função de armação, esbarrou na falta de velocidade. Com ambos demorando demais na distribuição do jogo, a criação ficou limitada.

Mesmo diante do desinteresse do Flamengo na partida, o Grêmio tinha suas próprias limitações técnicas. Sem criatividade, também não conseguia chegar à frente em condições de marcar. A outra boa chance foi aos 41, quando Diego Souza finalizou forte e obrigou Hugo a espalmar. O goleiro defendeu nos pés de Ferreira, que mais uma vez tomou a decisão errada. Tentou o domínio ao invés da finalização de primeira, e deixou ela escapar. 

No último lance de jogo, após uma sequência de dois escanteios, o Grêmio até chegou ao gol. No entanto, todos os quatro jogadores dentro da área estavam em posição irregular, inclusive Geromel e Diego Souza, envolvidos diretamente na jogada. Assim, o auxiliar e os responsáveis pelo VAR não tiveram dificuldades em anular corretamente o gol, e o primeiro tempo foi ao intervalo no morno 0 a 0. 

Segundo tempo tenso e empate em 2 a 2

Precisando demais do gol, o Grêmio voltou no mesmo ritmo do primeiro tempo. Sem velocidade e sem a agressividade necessária, seguiu dependendo de Ferreira, que mais uma vez tinha atuação fraca. Diego Souza na frente não conseguia fazer a parede quando recebia de costas, e Mancini demorou para fazer modificações na equipe.

O castigo veio aos 13 minutos. Na primeira bola que pegou desde que entrou, Arrascaeta começou a jogada e lançou com precisão para Rodinei na direita. Ele dominou e cruzou para Vitor Gabriel, que tentou a finalização. A bola sobrou para Vitinho, que dominou na segunda trave e bateu na saída do goleiro Gabriel Grando para fazer 1 a 0 para o Flamengo.

E o Tricolor viu a situação complicar de vez menos de dois minutos depois. Jonatha Robert, que também não fazia bom jogo e já havia levado um cartão amarelo infantil por chutar a bola longe, entrou forte em Vitinho, com o braço estendido. O árbitro deu o segundo cartão e expulsou o jogador do Tricolor, deixando o time com um a menos.

Em um prejuízo imenso, Mancini começou a mexer tentando dar soluções ao time. Primeiro, colocou em campo Vitor Bobsin na tentativa de corrigir a questão defensiva após a expulsão. Depois, foi a vez das entradas de Vanderson, Alisson e Borja. Por fim, colocou Douglas Costa no lugar de Campaz, que também esteve apagado no jogo. 

No entanto, foi o Flamengo quem chegou ao gol. Aos 28 minutos, ainda com o Grêmio despedaçado em campo, o contra-ataque pela direita foi puxado por Kenedy. Mais uma vez levando vantagem sobre Ruan, que voltou a falhar em momento importante, ele achou Vitinho livre, que bateu sem dar chance para Gabriel Grando, fazendo 2 a 0 para o Flamengo.

O Grêmio ainda encontrou forças para empatar a partida. Primeiro, com Borja, minutos depois de sofrer o gol. Aos 30, logo depois de entrar, o colombiano descontou. Depois, empolgado com o gol de desconto, Ferreira recebeu na direita, limpou para dentro e acertou um belo chute para empatar, aos 36.

No fim, o Tricolor até pressionou. Criou chances nos minutos finais, e empurrou o Flamengo para o seu próprio campo. No entanto, o gol não saiu, e a equipe de Mancini teve que se contentar com um empate arrancado com sofrimento, mas que ainda deixa o time em situação muito delicada.

Brasileirão - 2ª rodada

Grêmio 2

Gabriel Grando; Rafinha (Vanderson), Geromel, Ruan e Cortez; Thiago Santos (Vitor Bobsin), Lucas Silva (Alisson), Campaz (Douglas Costa), Ferreira e Jonatha Robert; Diego Souza (Borja). Técnico: Vagner Mancini

Flamengo 2

Hugo; Rodinei, Gustavo Henrique (Bruno Viana), Leo Pereira e Renê (Ramon); João Gomes, Thiago Maia, e Diego (Arrascaeta); Kenedy, Vitinho (Piris da Mota) e Vitor Gabriel (Pedro). Técnico: Renato Portaluppi

Gols: Vitinho (12, 28/2T) Borja (30/2T) e Ferreira (36/2T)

Cartões amarelos: Jonatha Robert, Campaz e Lucas Silva (Grêmio); Kenedy e Renê (Flamengo)

Cartões vermelhos: Jonatha Robert, Brenno (Grêmio)

Arbitragem: Braulio da Silva Machado (SC) 

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Data e hora: 23/11, às 21h


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895