Grêmio enfrenta o Del Valle no Paraguai após casos de Covid-19 e adiamento da partida

Grêmio enfrenta o Del Valle no Paraguai após casos de Covid-19 e adiamento da partida

Jogo do Tricolor pela terceira fase prévia da Libertadores acontece nesta sexta-feira, às 19h15min em Assunção

Correio do Povo

Grêmio treinou no Paraguai nesta quinta-feira

publicidade

Uma semana intensa fora de campo, que começou com o teste positivo do técnico Renato Portaluppi para a Covid-19, passou pela desgastante viagem ao Equador, a revelação de mais casos de coronavírus no elenco, proibição para treinar em Quito e, finalmente, a chegada em Assunção na quarta-feira à noite. Nesta quinta-feira, um treinamento no estádio Manuel Ferreira encerrou a conturbada preparação do Grêmio para enfrentar o Independiente Del Valle. Depois de ultrapassar tantos obstáculos, chegou a hora de encarar os equatorianos no primeiro duelo da terceira fase da Libertadores, às 19h15, no Defensores del Chaco.

É o jogo de ida de um confronto extremamente importante para o clube. A vaga na fase de grupos da competição sul-americana é o principal objetivo neste mês de abril. Torcedores, diretoria, jogadores, comissão técnica, ninguém imagina o Grêmio fora da Libertadores. E se na fase anterior o adversário era bastante modesto – o Ayacucho, do Peru – agora o desafio é diante de uma equipe emergente no continente. 

“A semana foi um pouco tensa, mas o pessoal do departamento médico e da comissão técnica nos passou muita tranquilidade. Está todo mundo preparado”, destaca o zagueiro Ruan. A mudança do local da partida não deixou de ser um ponto positivo, afinal o time não precisará jogar na altitude, que era uma das armas do time equatoriano. Por outro lado, o Grêmio entrará em campo bastante descaracterizado. Todos os exames RT-PCR realizados no Paraguai deram negativos, mas isso não significa que a equipe não terá sérios desfalques. 

O principal deles é a ausência de Renato Portaluppi à beira do campo. O treinador cumpre isolamento, está assintomático, e será substituído pelo auxiliar Alexandre Mendes. 

A zaga, a exemplo do Gre-Nal, será formada por Ruan e Rodrigues. O meio-campo estará desfalcado de Maicon. O problema maior está na lateral-direita. Vanderson e Victor Ferraz estão com a Covid-19 e Rafinha não foi inscrito nessa fase da Libertadores. Felipe Albuquerque viajou às pressas para Assunção, mas o mais provável é que haja uma improvisação no setor. 

“Adversidades sempre vão acontecer. No Gre-Nal eu pude fazer um bom jogo, não vai ser diferente. Estou focado para esse jogo que é tão importante”, finaliza Ruan.

O Independiente Del Valle é comandado pelo português Renato Paiva, que mantém um estilo de jogo posicional, com posse de bola e marcação alta sobre os seus adversários.

Veja Também

Pré- Libertadores - Terceira Fase

Independiente del Valle

Ramírez; Schunke, Pacho, Segovia e Jhon Sánchez; Vite, Pellerano, Faravelli e Beder Caicedo; Ortiz e Montenegro. Técnico: Renato Paiva

Grêmio

Brenno; Alisson, Ruan, Rodrigues e Diogo Barbosa; Lucas Silva (Darlan), Matheus Henrique, Pinares, Leo Chú e Ferreira; Diego Souza. Técnico: Alexandre Mendes

Árbitro: Néstor Pitana (ARG)

Local: Estádio Defensores del Chaco, em Assunção (Paraguai)

Data e hora: 09/04, às 19h15min


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895