Grêmio irá treinar em Santa Catarina

Grêmio irá treinar em Santa Catarina

Nota oficial do Tricolor afirma que decisão foi tomada após o governo do RS declarar que futebol não é prioridade

Por
Correio do Povo

Clube ainda não informou, mas deve utilizar a estrutura do Esporte Clube Criciúma no período que ficará em Santa Catarina


publicidade

O Grêmio divulgou nota no começo da tarde desta terça-feira revelando que levará toda a estrutura do futebol profissional para Criciúma, onde irá realizar os treinamentos de preparação para o retorno das competições. Segundo nota divulgada para a imprensa, o posicionamento do governador Eduardo Leite afirmando que o futebol não era prioridade na pauta do Rio Grande do Sul fez o Tricolor optar por finalizar a preparação para início do Campeonato Brasileiro, “previsto para 9 de agosto”, em Santa Catarina.

“Reiteramos o entendimento de que a decisão do Governo do Rio Grande do Sul é legítima, porém, o Grêmio defende uma conduta de enfrentamento reconhecida pela eficiência de procedimentos que tem mantido a integridade física de seus atletas e colaboradores, respeitando todas as determinações das autoridades públicas e de saúde, mas sobretudo acreditando que o futebol precisa também sobreviver ao momento, que é difícil a todos os segmentos da sociedade”, encerra a nota.

O Grêmio voltou aos treinos após a paralisação pela pandemia no dia 5 de maio e, desde então, vem trabalhando fisicamente. Alguns trabalhos técnicos também foram realizados. Porém após oito semanas, o clube desejava a liberação para os treinos coletivos e a volta do Gauchão. No entanto, o avanço da Covid-19 fez o governo do Estado ampliar as áreas de bandeiras vermelhas, que significam alto risco de contágio.

Pelo protocolo de saúde criado por Grêmio e Inter, que serve de exemplo para outros clubes e para a Confederação Brasileira de Futebol, o Estado permitiu que os dois clubes continuassem os trabalhos físicos, mas dentro de limitações impostas pelo distanciamento físico.

Criciúma foi escolhida para ser a sede dos treinos devido a liberação que o governo catarinense deu aos relação aos trabalhos coletivos no último dia 19. A cidade de Tubarão era uma alternativa, mas o Grêmio optou pela cidade mais próxima de Porto Alegre.

Além do estádio Heriberto Hülse, Criciúma também tem o Centro de Treinamento Antenor Angeloni, no bairro Cristo Redentor - Foto: EC Criciúma / Divulgação / CP

• Confira a nota oficial do Grêmio
Devido ao posicionamento do Governo Estadual em mencionar que o retorno do futebol não é prioridade em sua pauta, o Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense vem a público comunicar a necessidade de concluir sua preparação física, levando em conta todos os protocolos de saúde adotados para o retorno do elenco às atividades no CT, seguindo com rigidez  as recomendações sanitárias para a volta aos trabalhos, diante do  enfrentamento à pandemia da Covid- 19.

Nesse sentido, o Clube decidiu, não havendo o pleito do futebol atendido, procurar praças fora do Rio Grande do Sul visando à progressão dos treinamentos para atividades de contato, com vistas ao reinício do   Campeonato Brasileiro, previsto para 09 de agosto. Por uma questão de proximidade com o RS, a praça definida será ao Sul do estado de Santa Catarina, no município de Criciúma.


Reiteramos o entendimento de que a decisão do Governo do Rio Grande do Sul é legítima, porém, o Grêmio defende uma conduta de enfrentamento reconhecida pela eficiência de procedimentos que tem mantido a integridade física de seus atletas e colaboradores, respeitando todas as determinações das autoridades públicas e de saúde, mas sobretudo acreditando que o futebol precisa também sobreviver ao momento, que é difícil a todos os segmentos da sociedade.