Grêmio mostrou que "tem condições de vencer jogos em sequência", afirma Mancini

Grêmio mostrou que "tem condições de vencer jogos em sequência", afirma Mancini

Técnico avalia que vitória sobre o Bragantino "reforça palavra de que o time vai acertar"

Correio do Povo

Treinador vê mais confiança após resultado

publicidade

A contagem é regressiva e crítica, mas o técnico Vagner Mancini acredita que o Grêmio mostrou, na vitória sobre o Bragantino nesta terça-feira, qualidade para evitar o rebaixamento. "Sabemos que está no fim do campeonato e há necessidade de vencer jogos em sequência. Hoje, o torcedor e a imprensa viram uma equipe que tem condições de conseguir essas vitórias", afirmou.

Veja Também

"A gente vinha oscilando maus e bons momentos. Não quer dizer que não vão ocorrer, mas a ideia é que só aconteçam em momentos pontuais em que o Grêmio mantenha a vantagem na partida", avaliou o comandante gremista. "Eu estava já muito confiante e todo mundo pensa da mesma forma: a gente nunca jogou a toalha. Depois de uma bela vitória, com algumas alterações, a gente reforça a palavra de que uma hora o time vai acertar", acrescentou.

Mancini salientou, entretanto, que cada treino e cada partida serão essenciais para mudar o momento tricolor. "Precisa construir e não dá para esperar que o vento mude e o time passe a ser o protagonista", ponderou. "A gente trabalha diariamente, com vídeos, treinamento, muita preparação da equipe. É muito pouco diante do tamanho da obra, mas é um começo animador", definiu.

O treinador também explicou os cortes de alguns nomes dos relacionados e as chances dadas a atletas que não vinham entrando. "Trabalhamos no dia a dia para fazer as escolhas certas. O importante é ver que o que se apresenta para o próximo jogo, se isso mostra uma escolha certa", considerou Mancini. "Vários atletas que não eram relacionados eu tenho tentado nos 23. Claro que acaba rodando alguém. No caso teve o Bobsin no lugar do Darlan. Mas eu quero todos com apetite para entrar. Daqui a pouco vou ter atletas desgastados, é importante ter mais gente à disposição. Descobrir quem está pronto para entrar."


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895