Mesmo com chance na Copa do Brasil, Grêmio deverá priorizar o Brasileirão

Mesmo com chance na Copa do Brasil, Grêmio deverá priorizar o Brasileirão

Escapar do rebaixamento virou obrigação para os comandados do Tricolor

Correio do Povo

Mesmo com chance na Copa do Brasil, Grêmio deverá priorizar o Brasileirão

publicidade

No dia 14 de abril, há pouco mais de três meses, o Grêmio foi eliminado da pré-Libertadores pelo modesto Independiente Del Valle, do Equador. Era o prenúncio de uma temporada que se encaminha de maneira amargurada para o torcedor gremista. Na terça-feira, nova eliminação para um time equatoriano em plena Arena, dessa vez para a LDU – depois de ter vencido o jogo de ida –, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. 

A melhor campanha na fase de grupos de nada adiantou. O Grêmio vai acumular o prejuízo desportivo e financeiro com as duas eliminações precoces. Um quadro inimaginável para um clube elogiado pela sua gestão responsável e que conta com uma das maiores folhas salariais do país. O problema é que os esforços fora de campo não se transformam em resultados dentro dele. A chegada de Luiz Felipe Scolari deu um novo ânimo ao time. Foram três jogos sem perder (um empate e duas vitórias) e sem levar gols. Porém, a derrota por 2 a 1 para a LDU surgiu como um balde de água fria no grupo de jogadores e na torcida. 

Veja Também

Restam a Copa do Brasil – o confronto com o Vitória pelas oitavas de final tem início na próxima semana – e a fuga do rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Este último passa a ser o principal objetivo do Grêmio na temporada. “Amanhã (ontem) voltamos a pensar no principal campeonato nosso, que é o Brasileirão. Temos que nos recuperar e sair dessa situação”, disse Felipão. O Grêmio ocupa a 19ª posição na tabela. 

No sábado, a equipe tem um confronto direto para sair do Z-4. O Tricolor recebe o América-MG, na Arena, onde ainda não venceu no campeonato. Scolari, mais uma vez, terá de recuperar o psicológico do grupo, além, é claro, de fazer mudanças que melhorem o desempenho técnico/tático da equipe. “Vamos trabalhar e conversar para melhorar”, finaliza.

Sem Kannemann 

O Grêmio não pode nem pensar em outro resultado que não seja a vitória diante do América-MG no sábado. Para esta partida, Felipão não terá como apostar na continuidade. O zagueiro Kannemann recebeu o terceiro amarelo na vitória sobre o Fluminense e dará lugar a Ruan. O capitão Geromel deixou o gramado na derrota para a LDU com dores musculares e será reavaliado pelos médicos.

A boa notícia é o retorno de Douglas Costa, que fica à disposição. Scolari tem utilizado Alisson e Léo Pereira nas extremas. Em sua estreia, no GreNal, ele escalou Douglas Costa centralizado. A tendência é que Jean Pyerre siga como principal armador do time. Dessa forma, Douglas Costa entraria no lugar de Léo Pereira. Os lesionados Thiago Santos e Ferreira ainda não têm condições de retornar ao time.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895