Mesmo com foco principal na Copa do Brasil, direção do Grêmio planeja temporada 2021

Mesmo com foco principal na Copa do Brasil, direção do Grêmio planeja temporada 2021

Além dos possíveis reforços, Tricolor precisará definir futuro de atletas com contrato encerrando e permanência de Renato Portaluppi

Correio do Povo

Luiz Fernando é um dos jogadores que precisará ter uma definição sobre o futuro

publicidade

Ao mesmo tempo em que se concentra nas partidas finais do Brasileirão e, principalmente, na decisão da Copa do Brasil, o Grêmio também já planeja a temporada 2021, que começará no final de fevereiro, com o Campeonato Gaúcho. Há jogadores com contrato se encerrando no próximo mês. E alguns não devem permanecer no clube. Entre eles, o goleiro Júlio César, que em 2020 não disputou nenhuma partida, e o meia Robinho, que veio do Cruzeiro mas não teve sequência e foi mal nas oportunidades que recebeu.

O único que tem vínculo encerrando e pode permanecer é o atacante Luiz Fernando, que tem em seu contrato uma cláusula de renovação automática. O planejamento para a temporada 2021 também passa pela renovação de contrato do técnico Renato Portaluppi.

Acompanhe Grêmio e Flamengo, na quinta-feira, às 20h, no Correio do Povo

A direção tem a intenção de mantê-lo, independentemente do que acontecer até o final do Brasileiro e na decisão da Copa do Brasil. As negociações com o treinador sempre são rápidas e, se houver a reciprocidade por parte de Renato, esse assunto não deverá exigir muito tempo para ser resolvido pelo presidente Romildo Bolzan Júnior.

As tratativas, no entanto, só devem ser realizadas após o Grêmio encerrar sua participação nas competições que ainda disputa. O clube também já avalia possíveis reforços.

O Grêmio treina nesta quarta-feira, às 16h, no CT presidente Luiz Carvalho. A próxima partida do Tricolor é contra o Flamengo, na quinta-feira, às 20h, na Arena. A partida é válida pela 23ª rodada do Brasileirão. A equipe de Renato Portaluppi tem 51 pontos e ocupa a sexta colocação, já o adversário tem 55 e é o quarto.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895