"Não tem a mínima chance", avalia Romildo sobre retomada de conversas por Douglas Costa no Grêmio

"Não tem a mínima chance", avalia Romildo sobre retomada de conversas por Douglas Costa no Grêmio

Meia-atacante encaminhou sua saída da Juventus, mas valores salariais o distanciam do Tricolor

Correio do Povo / Rádio Guaíba

Meia-atacante deve ser liberado no meio do ano pela Juventus

publicidade

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Júnior, garante que não existe a possibilidade do Tricolor e Douglas Costa se encontrarem para retomar a negociação no final do mês de maio, quando o meia-atacante estará de férias em Porto Alegre. "Não tem a mínima chance", afirmou o mandatário em contato com o repórter Rafael Pfeiffer, da Rádio Guaíba. 

Com seu nome ventilado desde o começo da temporada como reforço gremista, nos últimos dias, o jogador recebeu uma sinalização positiva da Juventus, da Itália. O clube garantiu a ele que será liberado no meio do ano. Com isso, estará livre para assinar com um novo clube. Para pessoas próximas, o meia admitiu que está disposto a se encontrar com a diretoria para ouvir as condições impostas pelo Grêmio.

No entanto, a diretoria gremista, reitera, oficialmente, que os valores do atleta não são viáveis na realidade atual da temporada, com a eliminação na Copa Libertadores 2021. No futebol europeu, o meia recebe 3 milhões de reais e precisaria baixar a pedida significativamente para atuar em Porto Alegre. O Grêmio não cogita pagar um valor próximo de 2 milhões mensais.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895