No Twitter, Romildo Bolzan Jr. pede critério "uniforme" para a arbitragem brasileira
capa

No Twitter, Romildo Bolzan Jr. pede critério "uniforme" para a arbitragem brasileira

Presidente do Grêmio se manifestou após polêmicas na rodada do Campeonato Brasileiro

Por
Correio do Povo

Presidente do Grêmio criticou decisões da arbitragem brasileira

publicidade

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr. se manifestou no Twitter após a rodada do fim de semana do Campeonato Brasileiro, neste domingo. Em sua manifestação, o dirigente pediu critérios e voltou a se posicionar em relação à arbitragem do futebol brasileiro. 

Em sua postagem, Romildo pediu "critérios de decisão uniformes", para que as decisões possam deixar de estar sob suspeição. Disse, ainda, estar faltando maturidade, profissionalismo e respeito aos envolvidos no assunto.

Pelo menos dois lances polêmicos ocorreram nos jogos deste domingo. Na vitória do Grêmio por 4 a 1 sobre o Cruzeiro no Independência, o Tricolor reclamou de pênalti após chute de Alisson. A bola bateu no braço do zagueiro Léo, mas o árbitro nada marcou.

Na vitória do Botafogo por 2 a 1 sobre o Atlético-MG, um lance parecido foi marcado a favor dos cariocas. Após cobrança de falta de Gilson, a bola bateu no braço de Igor Rabello, que estava na barreira. O árbitro optou pela marcação do pênalti após consulta ao VAR.

No meio da semana, na eliminação para o Athletico-PR na Copa do Brasil, na semifinal da competição, o Tricolor já havia reclamado de um pênalti não marcado. O lance, ocorrido no início do primeiro tempo, com o placar ainda em 0 a 0, poderia ter dado outro aspecto ao confronto, reclamaram jogadores, dirigentes e o técnico gremista após a partida, na quarta-feira.