Pepê marca dois e Grêmio vence o Vasco da Gama de virada

Pepê marca dois e Grêmio vence o Vasco da Gama de virada

Com placar de 2 a 1, Tricolor chega a terceira vitória consecutiva e sobe na tabela

Correio do Povo

Pepê marcou dois gols e Luan esteve presente nas duas jogadas que deram a vitória para o Grêmio

publicidade

O Grêmio venceu o Vasco da Gama, por 2 a 1, neste sábado, na Arena, com dois gols de Pepê. O clube visitante abriu o placar em cobrança de pênalti no primeiro tempo, mas o jovem atacante foi o protagonista da virada com gols aos 16 e 40 minutos do segundo tempo.

Renato Portaluppi optou por preservar os titulares para a decisão das quartas da Copa do Brasil, contra o Bahia, na quarta-feira, e escalou um time alternativo, com Luan no comando do ataque. Com o gol sofrido, retirou Rômulo e colocou Everton aos 32 do primeiro tempo. Com a entrada do campeão da Copa América, o time cresceu e buscou o resultado.

Com a vitória, o Grêmio chega aos 14 pontos e ocupa a oitava colocação, após os dois jogos de sábado à tarde. Já o Vasco permanece com nove na 15ª colocação. O Tricolor volta aos gramados na quarta-feira, às 19h15min, contra o Bahia, na Arena Fonte Nova pela Copa do Brasil.

Grêmio domina a posse de bola, mas sofre gol de pênalti

O Grêmio dominou as ações ofensivas durante os primeiros 47 minutos de jogo, mas não conseguiu transformar os 67% de posse de bola em finalizações. A equipe de Renato Portaluppi começou a partida atacando pelas laterais com Juninho Capixaba e Leo Moura, com Luan atuando de “falso nove”, saindo para ajuda na armação do jogo. Por conta disso, faltou um homem posicionado dentro da área para tentar cabecear as constantes bolas cruzadas.

Qualquer plano de jogo foi prejudicado, entretanto, com o gol do Vasco. Após cobrança de Valdívia na área, a bola bateu em um jogador do Vasco e foi na direção de Henríquez. Segundo entendimento do árbitro Rodolpho Marques, David Braz puxou o atleta vascaíno no lance, o que definiu a penalidade máxima. Sem observar o lance no monitor do VAR, o juiz autorizou a cobrança de Yago Pikachu. O jogador bateu rasteiro no lado esquerdo, Paulo Victor saltou na direção certa, mas não conseguiu chegar na bola. Grêmio 0 a 1 Vasco.

O primeiro chute a meta do clube carioca ocorreu aos 36 minutos, quando Pepê chutou de fora colocado e Fernando Miguel caiu para fazer a defesa firme. Neste momento, Renato Portaluppi retirou Rômulo e colocou Everton.

Quatro minutos depois, Braz arriscou de fora da área, a bola quicou e o goleiro vascaíno fez a defesa. Aos 45, Paulo Victor salvou o Grêmio após Raul invadir a área e bater rasteiro. O goleiro gremista desviou a bola pela linha de fundo.

Pepê vira o jogo com dois gols

O segundo tempo começou com um gol marcado por Yago Pikachu. Entretanto, o árbitro viu o lance no VAR e anulou a jogada no início, quando Rossi acertou Matheus Henrique com a mão. Após o lance, o Grêmio ampliou a pressão sobre o adversário. Aos 16 min, Pepê recebeu excelente passe de Luan, invadiu a área e bateu cruzado, sem chances para Fernando Miguel. Grêmio 1 a 1 Vasco.

Dois minutos depois, Luan recebeu de Everton dentro da área, cortou para o pé esquerdo e chutou. No rebote, a bola sobrou para Pepê, que, na frente de Fernando Miguel, sem marcação, chutou rente ao poste esquerdo da meta vascaína. Aos 26, Luan passou para Everton na entrada da área, que trocou para o pé esquerdo e chutou forte. Fernando Miguel teve que fazer a defesa em dois tempos.

Quatro minutos depois, o treinador gremista retirou Matheus Henrique e promoveu a estreia do centroavante Da Silva. Na sequência, tirou Luan e colocou Patrick. O gol da vitória surgiu aos 40 minutos. Léo Moura cruzou de primeira, Pepê se antecipou ao marcador e cabeceou no ângulo direito de Fernando Miguel.

No último lance do jogo, Talles cabeceou próximo ao poste esquerdo de Paulo Victor, mas o Tricolor obteve a terceira vitória consecutiva.

Brasileirão 2019 - 10ª Rodada

Grêmio 2
Paulo Victor; Leo Moura, Rodriguez, David Braz e Juninho Capixaba; Rômulo (Everton), Matheus Henrique (Da Silva), Jean Pyerre, Thaciano e Pepê; Luan (Patrick).
Técnico: Renato Portaluppi

Vasco 1
Fernando Miguel; Yago Pikachu, Oswaldo Henríquez, Ricardo Graça, Danilo Barcelos; Raul, Richard, Marcos Júnior e Valdívia (Marrony); Rossi e Marquinho.
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Gols: Yago Pikachu (15 min/1ºT) e Pepê (16 min e 40 min/2ºT)
Cartões amarelos: Richard, Fernando Miguel e Henríquez (V) e Capixaba e Thaciano (G)
Cartões vermelhos: -

Árbitro: Rodolpho Marques (PR).
Auxiliares: Bruno Boschilia (PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR).
Árbitro do VAR: Paulo Roberto Alves Junior (PR).
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS).


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895