Recuperação de Leo Gomes deve levar 15 dias, avalia diretor-médico do Grêmio
capa

Recuperação de Leo Gomes deve levar 15 dias, avalia diretor-médico do Grêmio

Segundo Ciro Simoni, novo procedimento realizado pelo atleta é "de recuperação muito mais fácil" em relação ao anterior

Por
Correio do Povo

Para a recuperação do jogador, que ainda não estava treinando com os demais companheiros, o diretor-médico do Grêmio projeta duas semanas

publicidade

Em entrevista ao programa "Repórter Esportivo", da Rádio Guaíba, nesta quarta-feira, o diretor-médico do Grêmio, Ciro Simoni, explicou o novo procedimento cirúrgico a que será submetido o lateral-direito Leo Gomes, que está lesionado desde outubro de 2019 e apresentou dores no joelho direito na última terça-feira. 

De acordo com Simoni, a reconstrução do ligamento cruzado, realizada pelo jogador no ano passado, é uma cirurgia mais complexa da que será realizada na semana que vem, uma correção de uma fratura patelar no joelho direito.

"O Leonardo é um atleta muito responsável e esta é uma cirurgia muito mais simples, de recuperação muito mais fácil" relatou. Segundo ele, o primeiro procedimento feito pelo jogador "foi perfeito" e tudo foi "muito bem feito". 

Para a recuperação do jogador, que ainda não estava treinando com os seus companheiros, o diretor-médico do Grêmio projeta uma parada de duas semanas. 

"Ele vai ter que parar por 15 dias, não mais do que isso, e ai voltar para fisioterapia. Para trabalhar com o grupo, provavelmente ele já tenha condições no mês de julho. A parada agora é curta, ele vai poder recuperar com mais rapidez", salientou Simoni. 

Diego Souza é aguardado na próxima segunda-feira

O diretor-médico atualizou a situação do centroavante Diego Souza, que foi diagnosticado com Covid-19 no dia 7 de maio, e chegou a Porto Alegre na última segunda-feira. "Ele está tranquilo, está em casa, realizando testes e nossa projeção é de que segunda-feira ele já esteja com o grupo", explicou. O grupo de atletas e funcionários, que estão frequentando o CT Luiz Carvalho, devem ser submetidos a novos testes para Covid-19 na próxima semana.