Renato elogia jovens do Grêmio e avalia mudanças na final: "Ninguém é dono da posição"

Renato elogia jovens do Grêmio e avalia mudanças na final: "Ninguém é dono da posição"

Comandante viu bela atuação de equipe alternativa contra o Brasil de Pelotas pelo Gauchão

Correio do Povo

Treinador gostou da atuação gremista nesta noite

publicidade

A goleada na estreia do Gauchão contra o Brasil de Pelotas, por 4 a 1, foi festejada pelo técnico do Grêmio, Renato Portaluppi, que escalou uma equipe alternativa nesta quarta-feira, na Arena, visando a final da Copa do Brasil. De acordo com o comandante, os reservas aproveitaram as oportunidades, ainda que sem o entrosamento necessário. 

"Eu acho que o jogador é quem se escala. Ninguém é dono da posição. No momento que o jogador entra em campo e entrega o que a gente espera é nossa felicidade. Hoje eu gostei da equipe, estava determinada, não deu espaço pro adversário", comentou. Sobre os atacantes Ferreira e Guilherme Azevedo, o comandante apontou que eles estão usufruindo os momentos que vem recebendo e também elogiou os demais garotos Pedro Lucas, Ricardinho, Vanderson e Ruan: "Satisfeitos com todos".

Dono do jogo, o chileno Pinares teve atuação reconhecida pelo comandante, que lamentou não poder contar com ele na Copa do Brasil. "O Pinares é meia. Ele joga de forma um pouco diferente na seleção. Na minha opinião, se o cara é diferenciado ele não tem que estar correndo atrás de volante. O que está falando para ele é sequência de jogos, uma pena termos essa quebra (não inscrição na Copa do Brasil), mas as novas competições começam e eles será importante", pontuou. 

Contra o Palmeiras, às 18h, no próximo domingo, no Allianz Parque, o técnico garantiu uma equipe diferente, focada em ter o hexacampeonato. "Nós perdemos a primeira batalha, agora tem mais 90 minutos. Vamos com toda esperança, vou conversar com os jogadores para sermos diferentes em relação à última partida". 

Para ser campeão, a equipe gremista precisa vencer por vantagem de um gol e nas penalidades, ou por dois de margem para ser hexa no tempo normal. Amanhã, no começo da tarde, a delegação viaja para Atibaia, no interior de São Paulo, para concentrar e se preparar para a decisão.  

Renato comentas sobre a pandemia da Covid-19

O técnico do Grêmio também comentou a evolução da pandemia do coronavírus no Brasil, com a nova variante circulando e recordes de mortes no país, como ocorreu no começo de 2020, quando o esporte foi paralisado no país. Na avaliação do treinador, a situação é preocupante, mas o futebol é o lugar mais seguro do país e serve como entretenimento para as pessoas que estão em casa.

"O futebol prende as pessoas dentro de casa, isso é um ponto positivo. Hoje o lugar mais seguro é o futebol, nós somos testados a cada 3 dias. Não é 100%, mas é seguro", disse. Renato admitiu que o tema é complicado e que cada um irá ter sua opinião sobre a segurança dos atletas e treinadores. Lisca, do América Mineiro, fez criticas à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) sobre o calendário. 

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895