Renato vê "altos e baixos" em atuação do Grêmio no empate diante do Ceará

Renato vê "altos e baixos" em atuação do Grêmio no empate diante do Ceará

Treinador elogiou equipe reserva e destacou entrosamento dos garotos mesmo com poucos treinamentos

Correio do Povo

Mesmo com reservas, Renato elogiou atuação diante das circunstâncias

Com time reserva, o Grêmio empatou em 1 a 1 com o Ceará na noite desta quarta-feira, na Arena Castelão, em jogo válido pela segunda rodada do Brasileirão. Mesmo com uma equipe descaracterizada, o técnico Renato Portaluppi aprovou a atuação da equipe. 

Na avaliação do comandante, a equipe teve "altos e baixos" mas, ainda assim, parabenizou os jogadores pela atuação em um jogo considerado truncado. "Não tínhamos o entrosamento necessário. Queria parabenizar a garotada pela entrega. Tivemos várias chances e conquistamos um ponto", resumiu.

Questionado sobre a diferença de temperatura entre Porto Alegre e Fortaleza, Renato minimizou a questão climática. Atribuiu ao desgaste natural e a qualidade do adversário o resultado. "O Ceará é campeão do Nordeste. É sempre difícil jogar aqui. O adversário dificultou nosso toque de bola", ponderou. 

Após escalar os reservas, Renato garantiu que pretende colocar os titulares sempre que possível, mas classificou a decisão como "impossível", diante do calendário apertado, forçado pela pandemia. "Eu, que não jogo, estou cansado. Imagina os jogadores, que têm decisões a cada três dias. Ninguém aguenta", desabafou.

O Grêmio dá sequência a esta maratona diante do Corinthians, no sábado, às 19h, na Arena, em jogo válido pela terceira rodada do Brasileirão.


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895