Thiago Santos alerta para as dificuldades do Brasileirão, mas projeta Grêmio brigando pelo título

Thiago Santos alerta para as dificuldades do Brasileirão, mas projeta Grêmio brigando pelo título

Volante destacou que grupo principal não foi poupado na Copa Sul-Americana, mas ficou treinando para estrear com vitória

Correio do Povo

Volante Tiago Santos acredita que o Grêmio tem grupo para brigar pelo título do Brasileirão 2021

publicidade

Com a experiência de quem é bicampeão brasileiro com o Palmeiras, em 2016 e 2018, o volante Thiago Santos alertou durante coletiva de imprensa da tarde desta sexta-feira que o Grêmio não pode pensar que a competição tem 38 rodadas, mas focar em conquistar todos os pontos possíveis para recuperar o título que não é comemorado há 25 anos. Segundo o meia, o grupo deseja vencer todos os campeonatos que disputar, mas o Brasileiro é o mais importante.

“Sabemos como é difícil conquistar o Brasileirão. Eu ganhei dois e quero mais. Temos que pensar que todo jogo é o último. Não podemos pensar que são 38 rodadas. Temos que ganhar e somar pontos em todas as partidas para no final sermos coroados com o título. Se não der para ganhar, vamos empatar, pois todos os pontos são preciosos neste campeonato”, disse.

Acompanhe Ceará x Grêmio no Correio do Povo

Questionado se o Flamengo e o Palmeiras são os principais candidatos ao título, Thiago lembrou que todas as equipes que disputam a Série A tem condições de vencer. Entretanto, destacou que o Grêmio tem grupo para disputar o topo da tabela de classificação e conquistar a competição.

“São duas equipes que têm muito bons jogadores, mas a gente vem se reforçando bastante. (O clube) Trouxe eu, Rafinha e o Douglas, que vai acrescentar muito para a equipe. Mas não são só Flamengo e Palmeiras (são os candidatos). O Atlético-MG está com um time muito bom e estamos no páreo. Tenho certeza que vamos brigar lá em cima na tabela”, declarou.

O volante admitiu que está adaptado ao Grêmio desde que chegou e que a conquista do Gauchão deu ainda mais motivação para o grupo buscar voos maiores. “Se vencermos (o Brasileiro), vamos entrar para a história do Grêmio. Eu e meus companheiros compramos a ideia de vencer o Brasileiro. É muito difícil, mas ficamos trabalhando a semana toda. Ficamos em Porto Alegre para treinar bastante, não para poupar (na Sul-Americana). O campeonato é muito difícil e estamos focados em dar a vida para poder ganhar”, concluiu.

O Grêmio treina nesta sexta-feira, às 15h30min, e no sábado, às 9h, no Centro de Treinamentos presidente Luiz Carvalho. Após a atividade, a delegação atravessa o país para estrear contra o Ceará, no Castelão. O jogo está marcado para domingo, às 16h.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895