capa

Incêndio no CT do Flamengo é tema de reunião no Ministério Público

Encontro quer debater soluções imediatas para famílias das vítimas da tragédia

Por
Agência Brasil

Ministério Público pretende debater regularização das instalações do centro de treinamento

publicidade

Promotores de Justiça se reúnem nesta segunda-feira com representantes da diretoria do Clube de Regatas do Flamengo, para tratar de questões ligadas ao incêndio que deixou dez mortos e três feridos no centro de treinamento do clube.

Também participarão da reunião representantes do Ministério Público do Trabalho, da Defensoria Pública, da Polícia Civil, dos bombeiros e da prefeitura do Rio de Janeiro. O incêndio, ocorrido na última sexta-feira, atingiu um alojamento onde dormiam atletas da categoria de base do Flamengo, no centro de treinamento conhecido como Ninho do Urubu, em Vargem Grande, na zona oeste do Rio.

De acordo com o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ), a ideia da reunião é buscar soluções imediatas relativas às famílias atingidas e a regularização das instalações do centro de treinamento. A reunião está marcada para as 16h, na sede do MPRJ, no centro da cidade.