Aguirre lamenta sequência ruim e pede Inter focado nos últimos dois jogos

Aguirre lamenta sequência ruim e pede Inter focado nos últimos dois jogos

Colorado segue na 9ª colocação e está fora da zona de classificação para a Libertadores

Correio do Povo

Colorado está quatro jogos sem vencer no Brasileirão

publicidade

Após mais um jogo sem vencer, o técnico Diego Aguirre lamentou as chances perdidas no empate com o Santos em 1 a 1 no estádio Beira-Rio, na noite deste domingo e uma queda de rendimento na segunda etapa. Entretanto, o uruguaio garante que o momento é de se remobilizar para terminar o ano no lugar mais alto possível da tabela do Brasileirão. "Agora temos que tentar fazer uma boa semana de trabalho e colocar coisas positivas na cabeça. Temos dois jogos que temos que tentar ganhar", pontuou em coletiva depois do jogo. Na nona colocação, o Colorado soma 48 pontos. 

Algumas mudanças do treinador chamaram a atenção. Na volta do intervalo, Johnny deixou o campo para a entrada de Zé Gabriel. "Ele estava com cartão amarelo e poderiamos acabar perdendo ele", explicou. No fim, o chileno Palacios deixou o campo para a entrada de Heitor. "Ele estava sentindo o desgaste", acrescentou. 

O rendimento ruim na partida motivou vaias de parte da torcida colorado. De acordo com o comandante, desde o retorno de público no Beira-Rio, os colorados sempre apoiaram a equipe. "Acho que não foram tantas vaias assim. Não temos do que reclamar da torcida. Sempre nos passaram força".  

Sobre o ano de 2022, o treinador uruguaio evitou falar sobre o tema e eventuais contratações. De acordo com ele, isso já acontece nos bastidores, mas será ampliado ao final da competição. "Vai ser o momento pra falar disso quando acabar o campeonato. Agora não. Temos que estar focados nos jogos que faltam para acabar a temporada e seguir lutando para conquistar o objetivo".

Na próxima semana, na segunda-feira, o Inter recebe o Atlético-GO, no estádio Beira-Rio, às 20h. 

Veja Também

 


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895