Apesar de lamentar empate no fim, Kaique Rocha considera estreia "especial" no Inter

Apesar de lamentar empate no fim, Kaique Rocha considera estreia "especial" no Inter

Zagueiro recebeu elogios dos dirigentes colorados na sua primeira partida

AE

Defensor estava sem jogar há quase um ano

publicidade

O jovem zagueiro Kaique Rocha lamentou o empate amargo diante do Red Bull Bragantino, por 1 a 1, no Beira Rio, nesta quinta-feira. Foi a sua estreia no Inter. O defensor comentou do longo período sem atuar. "Jogo especial. Daqui seis dias iria fazer um ano da minha última partida. Estava sendo uma estreia perfeita, mas sofremos o gol. O Bragantino é uma ótima equipe. Difícil entender também os seis minutos de acréscimos. Faz parte", disse na saída do gramado.

A última partida profissional de Kaique Rocha havia sido no dia 27 de outubro de 2020, quando ele ainda defendia a Sampdoria, da Itália. Pelo jogo, ele recebeu elogios do vice-presidente, Emílio Papaleo. "Uma estreia maravilhosa", definiu.

Com apenas 20 anos, o zagueiro foi revelado nas categorias de base do Santos e em 2019 foi comprado pela Sampdoria, da Itália. Em agosto deste ano, ele assinou com o Inter por dois anos de empréstimo, sendo fixado valor para opção de compra definitiva.

Com o empate desta quinta-feira, o Inter ficou na sexta posição do Campeonato Brasileiro, com 40 pontos.

Veja Também


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895