Caetano fala em negociações em andamento e não descarta técnico "tampão" no Inter
capa

Caetano fala em negociações em andamento e não descarta técnico "tampão" no Inter

Dirigente pregou cautela na escolha para evitar arrependimentos

Por
Correio do Povo

Caetano afirmou que Inter não definiu caminho da escolha de um novo treinador

publicidade

O diretor executivo do Inter, Rodrigo Caetano, admitiu neste domingo, após a derrota da equipe para o Vasco da Gama, que a diretoria tem negociações em andamento em relação ao próximo treinador. O dirigente, porém, não foi específico, inclusive não descartando a contratação de um profissional que venha para trabalhar somente até dezembro de 2019. 

"Todos vocês (jornalistas) sabem os movimentos que fizemos nos últimos dias. Sempre buscamos o substituto do Odair para vir agora, mas isso não foi possível, pelo menos neste momento. O Colbachini é funcionário do clube, está interino e não significa que não possa ficar até o final do ano. Sabemos da curiosidade de vocês e dos torcedores, mas nem tudo podemos tornar público. Eu seria hipócrita se dissesse aqui que não há negociações em andamento. É assim pelo treinador e até para jogadores que gostaríamos de ter no ano que vem. Isso é normal e até faz parte da nossa rotina", afirmou. 

Ainda que não tenha definido qual será o caminho do Inter no que diz respeito ao próximo treinador, Caetano pregou muita cautela para a escolha, seja ela por um técnico que venha e fique somente até dezembro ou por um profissional que possa vir agora e já projetar 2020. "Temos que ter muito cuidado com esta escolha. A cautela é para não errar e simplesmente para que a gente não se arrependa logo em seguida", resumiu. "Quando tivermos alguma definição, ela será comunicada. Nós queremos ter o melhor critério possível para a gente não se arrepender da escolha", acrescentou.