Clube árabe faz "sondagem forte" por William Pottker
capa

Clube árabe faz "sondagem forte" por William Pottker

Inter não tem pressa para fechar negócio com Al-Ahli, dos Emirados Árabes

Por
Fabrício Falkowski

Jogador foi destaque na campanha de subida da Série B, mas não se consolidou

publicidade

O Al-Ahli, dos Emirados Árabes, fez uma “sondagem forte” para conhecer as pretensões do Inter em desfazer-se do atacante William Pottker. A tendência é que as tratativas evoluam e transformem-se em proposta oficial nos próximos dias. Se os valores chegarem ao patamar imaginado pelos dirigentes colorados, o atacante será negociado em definitivo.

Não há pressa. A janela para os Emirados Árabes fecha em 30 de setembro. Pottker foi trazido pelo Inter em 2017, após fazer grande Brasileirão pela Ponte Preta. Naquele ano, foi fundamental na campanha de volta para a Série A. Depois, perdeu espaço no grupo e, atualmente, é pouco utilizado.

Começou apenas um jogo no Brasileirão, além de entrar em outros dois. Na Libertadores da América, esteve em quatro partidas. Em 2017, para adquirir 70% dos direitos de Pottker, o Inter negociou o pagamento de R$ 6 milhões em 48 parcelas mensais, que ainda não estão quitadas. Ele tem contrato até maio de 2021.