capa

Com confiança em alta, Inter encara o Paysandu pela Copa do Brasil

Colorado entra em campo a partir das 20h no Beira-Rio

Por
Correio do Povo

A equipe atuará com o que tem de melhor à disposição do técnico Odair Hellmann. O

publicidade

O torcedor colorado viveu um carrossel de emoções nos últimos anos. Agora, a fase é boa, e o Inter busca manter o momento na temporada nesta quinta-feira, em sua partida de estreia na Copa do Brasil, que venceu pela primeira e última vez em 1992. Com o ótimo desempenho na Libertadores e a crescente no Campeonato Brasileiro neste ano, o time chega motivado para a disputa contra o Paysandu, a partir das 20h, válida pelas oitavas de final do torneio. Além da confiança em alta, o time vai contar com um fator que tem desequilibrado e auxiliado a manter a boa campanha: jogar no Beira-Rio.

Invicto em estreias nesta competição desde 2009, a equipe quer fazer valer a tradição jogando em casa. O atacante Nico López quer encerrar os 90 minutos de duelo com a classificação praticamente encaminhada. Assim, poderá jogar com uma tranquilidade maior na próxima semana, em Belém. O adversário deve manter uma postura defensiva, buscando os contra-ataques. “Vamos jogar em casa e precisamos fazer a diferença. Contamos com o apoio da torcida para conseguir o resultado positivo”, comentou o uruguaio durante a semana.

• ACOMPANHE A PARTIDA MINUTO A MINUTO A PARTIR DAS 20h

O Inter atuará com o que tem de melhor à disposição do técnico Odair Hellmann. O treinamento de quarta-feira no CT Parque Gigante confirmou que o treinador mandará a equipe titular para a partida. A entrada de Emerson Santos no lugar do lesionado Rodrigo Moledo será a única mudança em relação ao time que venceu o CSA no domingo pelo Brasileirão.

O histórico recente, com dois encontros em 2017, na segunda divisão do Brasileiro, tem uma vitória dos gaúchos e outra dos paraenses, cada qual em seus domínios. Em 2019, o Paysandu foi quarto colocado no Campeonato Paraense e ocupa a mesma posição no Grupo B da Série C. Por isso, o bicolor quer virar a chave e reescrever o ano. O comandante Léo Condé terá três desfalques para o confronto do meio da semana: o lateral-direito Tony, o volante Wellington Reis e o atacante Jheimy ficam de fora do duelo.

O treinador deve apostar na busca pelos contra-ataques e mandar a campo uma formação com o meio-campo reforçado. Por conta disso, o Inter deve manter a cautela e ter paciência para não rifar a bola e dar a chance de uma jogada mortífera dos adversários na saída de jogo. 

Copa do Brasil 2019 - Oitavas de final 

Inter

Marcelo Lomba, Zeca, Emerson Santos, Victor Cuesta e Iago, Rodrigo Lindoso, Edenílson, Nonato e D’Alessandro, Nico López e Paolo Guerrero.Técnico: Odair Hellmann

Paysandu

Mota; Bruno Oliveira, Micael, Victor Oliveira e Bruno Collaço; Jhony Douglas, Willyam e Tiago Primão; Diego Rosa, Vinícius Leite e Nicolas. Técnico: Léo Condé

Arbitragem: Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP), auxiliado por Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre
Início: 20h