Coudet entrega o cargo e Inter exige pagamento integral da cláusula de rescisão

Coudet entrega o cargo e Inter exige pagamento integral da cláusula de rescisão

Celta de Vigo e empresários do treinador tentam reduzir valor, mas Colorado não deseja a saída do técnico

Correio do Povo e Rádio Guaíba

Chacho teria entregue o cargo para a direção do Inter na última semana, mas os dirigentes não aceitam a saída do profissional

publicidade

O técnico Eduardo Coudet “entregou o cargo” para a direção do Inter nesse domingo, mas a rescisão ainda não ocorreu porque os dirigentes do Colorado não pretendem liberá-lo sem receber o pagamento da multa rescisória. Segundo informações do repórter Cristiano Silva, da Rádio Guaíba, o Celta de Vigo, que tem interesse na contratação do profissional, terá que pagar a multa de aproximadamente R$ 14 milhões para ter o treinador argentino.

“Não há comunicação oficial por parte do Celta, mas o cotado para chegar a Vigo é Eduardo Coudet. Lembro que em 2002 e 2003 ele jogou meia temporada em Vigo (...) Pelas informações que temos, há 15 dias o clube começou a contatar com os representantes de Coudet para saber a disponibilidade dele vir imediatamente para Vigo”, revelou o repórter Antônio Esteves, da Cadena Cope.

Neste momento, o staff de Coudet e o Celta tentam chegar a um acordo com o Inter para reduzir o valor da multa. Segundo Esteves, o clube de Vigo tem condições econômicas para conseguir a liberação, mas acha muito difícil que ele aceite pagar os R$ 14 milhões.

Veja Também

No domingo, após o empate com o Coritiba, em casa, o vice Alexandre Chaves Barcellos admitiu que receberia com normalidade o interesse de clubes europeus pelo treinador.

O Inter inicia a preparação para enfrentar o América-MG, no primeiro confronto da Copa do Brasil, a partir das 16h30min desta segunda-feira. O jogo está marcado para quarta-feira, às 21h30min, no estádio Beira-Rio.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895