CSKA Moscou entra na disputa pelo técnico português Marco Silva, um dos alvos do Inter

CSKA Moscou entra na disputa pelo técnico português Marco Silva, um dos alvos do Inter

Imprensa portuguesa ressalta que o Colorado tentou “tudo” para contratar o profissional de 43 anos

Correio do Povo e Rádio Guaíba

Segundo a imprensa europeia, técnico português Marco Silva deseja seguir treinando na Europa

publicidade

O CSKA Moscou teria entrado na disputa para contratar o técnico Marco Silva, de 43 anos. Segundo o Tutto Mercado Web, o português é um dos nomes “mais procurados da cena internacional”, pelo desejo do Fenerbahçe da Turquia, do Inter e de clubes árabes, como o Al Hilal, da Arábia Saudita.

Os russos têm o interesse de contratar um treinador de renome internacional e já teria entrado em contato com os representantes de Marco Silva. De acordo com o site italiano, o clube turco estaria com uma negociação mais avançada pelo português, que tem o desejo de permanecer na Europa.

Desta forma, dificilmente, o Inter teria êxito em uma possível tentativa de contratar Marco Silva. Segundo o jornal A Bola, de Portugual, a direção do Colorado "tentou de tudo" para contratar o técnico, mas um acordo não foi concluído. Recentemente, ele também negou o convite do Al Hilal. O clube saudita acertou a contratação do também português Leonardo Jardim.

Marco Silva está desde o final da temporada inglesa de 2019 sem treinar. Após ser demitido pelo Everton, o profissional que teve passagens pelo Sporting, Olympiacos, da Grécia, Hull City e Watford não acertou com ninguém e, agora, recebe o convite de vários clubes para voltar ao mercado.

Segundo informações do repórter Cristiano Silva, da Rádio Guaíba, o Inter teve interesse no português, mas, no momento, não está no “radar” da direção colorada. Osmar Loss comanda o Inter nesta quarta-feira, às 19h, contra o Atlético-MG, e será mantido até os dirigentes chegarem a um acordo sobre quem irá treinar o Colorado até o final da temporada.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895