Dia a dia de Medina entusiasma os dirigentes do Inter
patrocinado por

Dia a dia de Medina entusiasma os dirigentes do Inter

Treinos longos e com muito trabalho com bola geraram elogios no Beira-Rio

Fabrício Falkowski

Dia a dia de Medina entusiasma os dirigentes do Inter

publicidade

Alexander Cacique Medina, junto com sua comissão técnica, desembarcou em Porto Alegre no início de janeiro para comandar o Inter na temporada. Começou o trabalho no CT Parque Gigante há pouco mais de dez dias, tempo suficiente para impressionar as poucas pessoas que podem assistir ao dia a dia de treinos. A rotina, segunda elas, tem a presença da bola desde o primeiro dia, treinos com duas horas de duração e muita intensidade.

“A nossa avaliação dos primeiros dias de trabalho do Medina é extremamente positiva. Os treinos são intensos, longos e com muito trabalho com bola. Ele para o trabalho, corrige o posicionamento, treina a saída de bola e jogadas. Estamos muito satisfeitos”, afirma o vice-presidente de futebol, Emílio Papaléo Zin, em entrevista ao Correio do Povo ontem à tarde.

Veja Também

O Inter estreia na temporada na próxima quarta-feira, diante do Juventude, no estádio Alfredo Jaconi. Segundo o dirigente, já neste primeiro compromisso, apesar do pouco tempo de trabalho, será possível visualizar mudanças na postura do time em campo. “Os jogadores estão supermotivados, com destaque especial para D’Alessandro e o Taison, que puxam o grupo para cima em termos de motivação. O torcedor, quando o Inter entrar em campo, vai sentir a diferença em termos de intensidade, na vontade e na disposição”, segue Papaléo.

Medina tem feito algumas experiências na formação da equipe, mas a base do time titular que tem aparecido nos primeiros dias do ano é formada por atletas que estavam no clube no ano passado. Os reforços que desembarcaram recentemente devem ganhar oportunidades nos próximos dias.

Por enquanto, o técnico esboçou um time utilizando o 4-2-3-1 com Daniel, Heitor, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés na defesa. Dourado e Edenilson abrem o meio-campo, atrás de um trio de meias: Taison, Boschilia e Maurício, com o primeiro centralizado. Yuri Alberto começa o ano como titular.

“O Medina chegou agora. Ele tem um estilo de jogo novo, diferente. Temos que nos adaptar o mais rápido possível. Na semana que vem já tem Gauchão, precisamos estar focados para começar com o pé direito”, finaliza o goleiro Daniel, que encerrou a temporada passada lesionado, mas já está 100% recuperado e pronto para jogar.


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895