Dourado vê “objetivo próximo”, mas cobra “pés no chão” ao Inter

Dourado vê “objetivo próximo”, mas cobra “pés no chão” ao Inter

Volante exaltou trabalho do grupo, porém salienta que nada foi ganho

Correio do Povo

Dourado pede pés no chão ao Inter na reta final do Brasileirão

publicidade

O Inter sonha com o título brasileiro como há muito não sonhava. Líder do campeonato com sete vitórias consecutivas, o Colorado entra no clássico Gre-Nal de domingo em busca da manutenção da boa sequência, mas ao mesmo tempo tentando frear a empolgação para seguir no topo da tabela. 

O volante Rodrigo Dourado exaltou o "momento muito bom" vivido pela equipe, com boas atuações e grandes vitórias. Mas citou a necessidade de manter os "pés no chão" na busca pelo título. "Chegamos nessa situação graças ao nosso trabalho. O objetivo está próximo, mas não ganhamos nada ainda", alertou. 

Na avaliação do jogador, as próximas sete partidas são importantes, mas o confronto contra o Grêmio ganha um contorno especial. De acordo com ele, a equipe está preparada para encerrar o jejum diante do rival – o Inter não vence Gre-Nal desde 2018. "Clássico é diferente, estava com saudade de jogar. Vamos dar o máximo para conquistar essa vitória", assegurou ele, que não joga um Gre-Nal desde a final do Campeonato Gaúcho de 2019, em abril daquele ano.

O clássico Gre-Nal é neste domingo, às 16h. A partida, válida pela 32ª rodada do Brasileirão, acontece no Estádio Beira-Rio. O Colorado defende a liderança, enquanto o Grêmio busca reaproximação ao pelotão de frente da competição.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895