Edenilson lamenta chances perdidas, mas exalta desempenho do Inter contra a La U
capa

Edenilson lamenta chances perdidas, mas exalta desempenho do Inter contra a La U

Meia lembrou que time criou as melhores oportunidades e ofereceu poucos riscos ao adversário

Por
Correio do Povo

Momento da cabeçada de Edenílson na segunda grande chance do Inter no jogo


publicidade

O Inter até poderia ter saído com a vitória diante do Universidad de Chile. A vantagem no jogo de ida só não veio porque um dos destaques do confronto dessa terça-feira foi o goleiro De Paul. Em duas oportunidades, o arqueiro salvou gols que seriam de Edenilson. Após a partida, o meia lamentou as chances perdidas, mas exaltou a performance do Colorado em solo chileno. 

"Na primeira, eu escutei o D'Alessandro dizendo que eu estava só, mas não acreditei muito e por isso acelerei a jogada. Na segunda, o goleiro foi muito feliz na defesa. Foi rápido no reflexo. Mas acho que a nossa equipe fez uma grande partida, buscou vencer o tempo todo, mesmo quando a partida tinha 11 para cada lado. Sair do Chile com um empate não é ruim, mas é claro que queríamos vencer. Oferecemos poucos riscos e criamos bastante. É preciso melhorar essas coisas, definir melhor as jogadas e o resultado virá naturalmente", disse Edenílson. 

O volante Rodrigo Lindoso também acredita que faltou muito pouco para o Inter conquistar a vitória no Estádio Nacional do Chile. "A gente sabia que não seria fácil atuar. Procuramos fazer o nosso jogo, criamos as melhores chances e, por um detalhe, a bola não entrou. O importante é que levamos a decisão para o Beira-Rio, com a nossa torcida. Sabemos da nossa força em Porto Alegre e temos de conseguir a vitória para ficar com a classificação", afirmou. 


O Inter volta aos treinos nesta quarta, às 18h, no CT do Parque Gigante. O próximo compromisso é contra o Novo Hamburgo, às 17h, no sábado, no estádio Beira-Rio. O jogo é válido pela última rodada do primeiro turno do Gauchão.