Inter anuncia renovação com executivo Rodrigo Caetano
capa

Inter anuncia renovação com executivo Rodrigo Caetano

Novo acordo com o profissional do Futebol vai até o final de 2020

Por
Correio do Povo

Rodrigo Caetano ficará no Inter até o final da temporada 2020

publicidade

O Inter anunciou no início da tarde desta terça-feira a renovação de contrato com o diretor executivo Rodrigo Caetano. O profissional, que está no clube desde maio de 2018, ampliou o vínculo até o final de 2020. Na nota divulgada pelo Colorado, o profissional agradeceu a confiança e o apoio que recebeu da diretoria, de todos os envolvidos com o departamento de futebol e da torcida.

O anúncio da permanência de Caetano ainda em setembro demonstra uma disposição do clube de iniciar o planejamento para a próxima temporada. “Acredito que, com alguns ajustes e disputando todas as competições importantes, nós nos aproximamos da possibilidade de conquistas. Temos que olhar para frente. Hoje o clube já está reposicionado nas disputas nacionais e sul-americanas. A nossa ideia é sempre permanecer no topo, sempre disputando, pois dessa forma estaremos mais perto da conquista”, declarou.

Ex-atleta, graduado em administração de empresas pela PUC-RS e pós-graduado em gestão empresarial pela FGV-RS, Caetano iniciou sua trajetória no RS Futebol, no ano de 2003, com Paulo César Carpegiani, ex-jogador do Inter. Após, Rodrigo Caetano teve passagem pelo Grêmio, entre os anos de 2005 até 2008, trabalhando nas categorias de base e no departamento de futebol profissional.

Na sequência, assumiu como diretor executivo no Vasco da Gama, entre 2009 e 2011, onde conquistou a Copa do Brasil. Em 2012, transferiu-se para o Fluminense, tornando-se campeão brasileiro, e voltou para o Vasco em 2014, clube que conseguiu o acesso no mesmo ano. Em 2015, iniciou trabalho no Flamengo, sendo um dos responsáveis pela profissionalização e reestruturação do departamento de futebol, ficando à frente do rubro-negro por mais de três anos, até março de 2018 e conquistando o título carioca invicto em 2017.