Inter dá folga para o grupo de jogadores até a próxima quinta-feira

Inter dá folga para o grupo de jogadores até a próxima quinta-feira

Clube avaliou que o elenco teve bom volume de trabalhos e espera pela liberação de mais treinos técnicos e táticos

Correio do Povo

Grupo de jogadores do Inter ganhou folga até a próxima quinta-feira, às 9h30min

publicidade

Quarenta dias depois de retomar os treinos, o Inter voltou a paralisar as atividades para o grupo de jogadores até a próxima quinta-feira. Segundo comunicado da assessoria de imprensa, a comissão técnica avaliou que o grupo teve um “bom volume de trabalhos” no período desde o dia 5 de maio e optou por dar “um período maior de descanso” para os atletas.

“Após concluirmos as seis primeiras semanas de treinos físicos, nossa comissão técnica avaliou que atingimos um bom volume de trabalho e decidiu dar um período maior de descanso para os atletas para então retomarmos a segunda metade, já incluindo treinos mais técnicos e táticos, conforme ocorrer a liberação das autoridades”, explicou o diretor executivo do futebol do Inter, Rodrigo Caetano.

A primeira paralisação nas atividades devido a pandemia ocorreu no dia 17 de março. Desde então, os atletas ficaram 49 dias sem treinar e retomaram as atividades no dia 5 de maio. Porém, os trabalhos ficaram limitados a grupos pequenos e sem contato físico.

Segundo o comunicado divulgado pela assessoria de imprensa, o Inter acredita que a liberação para treinamentos coletivos pode ocorrer ainda nesta semana. Entretanto, quatro regiões do Rio Grande do Sul registram piora nos índices e recebem bandeira vermelha do governo do Estado, o que significa risco alto de contágio.

Entre elas, a região de Caxias do Sul, onde os treinamentos da SER Caxias e do Juventude não poderão ser realizados, mesmo em pequenos grupos. Conforme destacou o Correio do Povo, as restrições indicam um novo adiamento da retomada do Campeonato Gaúcho, que estava para a segunda quinzena de julho. Na quinta-feira, a Federação Gaúcha de Futebol deve ter nova reunião com o governo do Estado para tratar da situação.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895