Inter foca nos 11 jogos do Brasileiro e pode ter equipe alternativa para início da temporada 2021

Inter foca nos 11 jogos do Brasileiro e pode ter equipe alternativa para início da temporada 2021

Hermann quer tranquilidade para Abel Braga trabalhar por melhor posição possível: “não vai mudar nada até o dia 24 de fevereiro”

Correio do Povo

Direção do Inter quer dar tranquilidade para Abel Braga trabalhar até o final do Brasileirão e, durante o período, poder planejar a temporada 2021

publicidade

O primeiro objetivo da direção do presidente eleito Alessandro Barcellos é focar 100% das atenções na disputa do restante do Campeonato Brasileiro. Por isso, na segunda-feira, o mandatário garantiu o técnico Abel Braga pelos próximos 11 jogos. A estratégia dará ao departamento de futebol tempo para planejar, organizar e executar as ações necessárias para a temporada 2021, que inicia no dia seguinte o término no Brasileirão para o clube. A tendência é que o Colorado utilize uma equipe alternativa no Gauchão, primeira competição do próximo ano.

“Não haverá transição de técnicos, pois o nosso técnico é Abel Braga. Ponto. Claro, na campanha, conversas foram feitas com alguns treinadores. Eu auxiliei em alguma situação especial. Não temos nada assinado com nenhum (outro) treinador. Nada adiantado. O Abel é o nosso treinador e vamos dar todo o respaldo para ele e para a comissão técnica. Não vai mudar nada no vestiário do Inter até o dia 24 de fevereiro. Esse é o caminho mais tranquilo”, revelou o vice de futebol, João Patrício Hermann, na coletiva de apresentação.

Nas conversas que definiram a permanência de Abel, segundo Hermann, o treinador colocou situações, receios e inseguranças para os dirigentes, mas sempre foi sensível as propostas feitas pelos novos dirigentes. “Foi uma conversa leal, franca, onde foi apresentado para ele o nosso planejamento e garantias que ele vai fazer o trabalho dele até o dia 24 de fevereiro com tranquilidade. Vamos dar todo o respaldo até o final do Brasileiro”, revelou o responsável pelo departamento de futebol.

Inter busca ampliar número de jogadores da base na lista do Gauchão

Os jogadores do Inter tiveram um longo período sem atividades no período em que o futebol parou devido a pandemia da Covid-19, por isso, deverão ter um pequeno espaço de descanso a partir do final do Brasileirão. Tudo dependerá da avaliação do departamento de futebol que está sendo montado. Existe também a possibilidade da utilização de um time alternativo para o início do Gauchão.

Ele seria formado por jogadores da base e alguns atletas do grupo profissional que não vem sendo usados regularmente. Para isso, o Inter vem trabalhando junto a Federação Gaúcha de Futebol para a ampliação do número de inscritos e da lista de atletas das categorias de base que poderão atuar no estadual.

“A nova gestão vai assumir com tranquilidade e terá 54 dias para implementar o seu trabalho e planejamento. As coisas vão acontecer de uma forma adequada. Algumas rupturas serão feitas. No dia 2 de janeiro já temos treinos. Vamos com calma. Não tem nada em relação a mais ninguém além das confirmações do Abel e do Paulo Bracks. Vamos focar no jogo contra o Ceará”, concluiu João Patrício Hermann.

O Inter deu folga para os jogadores até o próximo sábado, às 16h30min. A partida contra o Ceará está marcada para dia 7, às 19h, no estádio do Castelão, em Fortaleza.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895