Inter monitora situação de Taison após desentendimento com técnico na Ucrânia

Inter monitora situação de Taison após desentendimento com técnico na Ucrânia

Colorado está próximo de um acordo com o meia para uma transferência no meio do ano, mas estuda antecipar vinda

Correio do Povo

Apesar da vontade mútua de Taison e Inter de se reencontrarem, detalhes do contrato, inclusive valores, não foram negociados

publicidade

O desentendimento entre Taison e os dirigentes do Shakhtar aumenta as chances de ele desembarcar em Porto Alegre antes do final do seu contrato, mas não altera a forma de o Inter abordar o negócio. Sem dinheiro para bancar uma rescisão antecipada do vínculo, os dirigentes colorados assistem à evolução do imbróglio sem interferir. 

Em tese, há um acordo entre Inter e Taison para que ele volte a vestir a camisa colorada a partir de 30 de junho. Ocorre que o jogador está afastado do grupo após uma discussão com o técnico português Luis Castro. Neste momento, os representantes do atleta estão na Ucrânia.

Apesar da vontade mútua de Taison e Inter de se reencontrarem, detalhes do contrato, inclusive valores, não foram negociados. Evidente que, para voltar ao Brasil, ele terá que aceitar um rebaixamento salarial. A princípio, ele deve pedir um contrato de três anos ao Inter. Taison completou 33 anos em janeiro.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895