Inter seguirá priorizando as copas e usando times alternativos no Brasileiro
capa

Inter seguirá priorizando as copas e usando times alternativos no Brasileiro

Colorado ficou cinco das 11 rodadas disputadas na principal competição nacional entre os classificados para a Libertadores

Por
Correio do Povo e Rádio Guaíba

Inter seguirá utilizando titulares nas copas e times alternativos no Brasileirão

publicidade

A classificação do Inter para as semifinais da Copa do Brasil e a vitória sobre o Nacional, no Uruguai, pelo primeiro jogo das oitavas de final da Libertadores, trazem a certeza para a comissão técnica e para a direção que é necessário manter o planejamento que vem sendo executado deste o início do Brasileirão. Time completo nas fases mata-mata e alternativo na principal competição nacional.

“O que o torcedor tem que entender é que, em momento algum, deixamos de lado o Brasileiro. Mas temos que tomar decisões e fazer opções. É humanamente impossível querer jogar com o mesmo time em três competições. Contra o Palmeiras, na quarta, contra o Nacional, na seguinte, contra o Cruzeiro depois e ainda com os jogos do Brasileiro. Não tem como. As nossas opções têm dado certo e vamos seguir desta maneira”, revelou o vice de futebol, Roberto Melo.

No Campeonato Brasileiro, o Colorado tem 17 pontos em 33 disputados, somando 51,5%. Foram três dos 11 jogos com titulares, com duas vitórias e uma derrota. Com os reservas, duas derrotas. E com o time misto, três vitórias, dois empates e uma derrota. Desde o início da competição, o Inter ficou cinco rodadas entre os classificados para a próxima Libertadores e seis fora. Apesar de o rendimento ser bem inferior ao dos campeões do Brasileirão de pontos corridos, que é entre 67% e 81%, a direção, comissão técnica e dirigentes acreditam que é possível disputar o título. 

“Não tem como dizer que é impossível colocar sempre a mesma equipe. (Se fizer) Você pode não ter a equipe rendendo o que você espera nos jogos eliminatórios. Essa é a nossa preocupação. Sabemos que em jogos eliminatórios, eles não te dão a chance de tentar recuperar depois. Então, temos como repetir a equipe, mas não teríamos o mesmo rendimento que tivemos (contra Palmeiras e Nacional). Hoje (na quarta) foi um jogo que exigiu demais da questão física”, declarou o preparador físico, Cristiano Nunes.

Por estes motivos, o planejamento é utilizar equipes reservas e mistas enquanto o Inter tiver disputando as Copas. “Queremos é ter os jogadores bem recuperados, principalmente, em competições eliminatórias, Libertadores e Copa do Brasil. Seguimos nas duas e continuamos bem no Brasileiro, mas precisamos fazer as avaliações e tomar as decisões necessárias para ter os melhores atletas nas suas melhores condições nos jogos decisivos”, revelou Nunes.

O Inter realiza às 15h30min o único treino antes de enfrentar o Ceará, pela 12ª rodada do Brasileiro. O time deve ser misto no jogo marcado para sábado, às 19h, no Beira-Rio.