Inter tem vagas em aberto no setor ofensivo para estreia na Libertadores
capa

Inter tem vagas em aberto no setor ofensivo para estreia na Libertadores

Do meio para a frente, Odair Hellmann tem indefinições

Por
Fabricio Falkowski

"Vamos entrar fortes desde a primeira partida", garante o treinador

publicidade

A pouco mais de uma semana da estreia na Libertadores da América, finda a fase de experiências e testes, Odair Hellmann ainda não tem uma escalação definida para o Inter. Desde o primeiro jogo no Campeonato Gaúcho, o técnico já ensaiou formações com algumas variações táticas e de jogadores. E, embora tenha afirmado que a equipe está “pronta” para o primeiro jogo da Libertadores, dia 6 de março contra um adversário que será definido entre Talleres, da Argentina, e Palestino, do Chile, há várias indefinições no time titular.

“Lutamos muito no ano passado para conseguir esse objetivo (vaga na Libertadores) e vamos entrar fortes desde a primeira partida”, enfatizou o técnico, domingo, após a vitória sobre o Avenida, por 1 a 0, a quarta seguida pelo Gauchão. Apesar da sequência de bons resultados, as atuações da equipe não estão no nível esperado. “Acho que nós tivemos bons jogos. Em alguns tivemos mais dificuldade, mas sempre evoluímos em alguns aspectos”, avalia Odair.

A defesa é o setor mais cristalizado, mas ainda assim tem contestações. A dupla de zaga, com Moledo e Cuesta, está consolidada, mas Iago e Zeca são criticados. No meio-campo e ataque, Dourado também está confirmado, além de ser o capitão da equipe. Edenilson também, assim como Nico López. Mas o restante das vagas do setor e também do ataque parecem vagas.

Patrick, Nonato, D’Alessandro, William Pottker, Neilton, Pedro Lucas e Rafael Sobis disputam três vagas. A lista também poderia incluir o recém contratado Tréllez, mas o centroavante perdeu espaço nas últimas semanas. “Teremos uma evolução natural, mas o importante é ganhar mais jogadores. Todos tiveram oportunidades. Temos uma ideia consolidada de jogar, os conceitos são fortes”, enfatiza. Até a estreia, o Inter fará dois jogos-treino, na quinta e na sexta-feira, com equipes diferentes.