Jogadores do Inter destacam entrega para "tirar força de onde não tem" em vitória fora de casa
capa

Jogadores do Inter destacam entrega para "tirar força de onde não tem" em vitória fora de casa

Na avaliação do grupo, Colorado criou mais oportunidades e mereceu triunfo por 1 a 0 sobre o Botafogo

Por
Correio do Povo

Inter venceu o Botafogo no Rio por 1 a 0, com gol de Guerrero

publicidade

Mais do que a boa atuação, o Inter comemorou demais a conquista dos três pontos na vitória sobre o Botafogo por 1 a 0, no Engenhão, na noite deste sábado. O resultado encerrou uma sequência de resultados negativos e aproximou o Inter da Libertadores, além de manter viva a chance de ir diretamente à fase de grupos.

Os jogadores do Inter comemoraram o resultado positivo conquistado no Rio. De acordo com Guilherme Parede, que teve boa atuação, o mais importante era a conquista dos três pontos. "Chega um momento que a gente tem que tirar força de onde não tem. A pressão existe, mas uma hora ou outra a vitória viria", comemorou.

Para Neílton, outro jogador que teve boa jornada no Rio de Janeiro, a equipe mereceu a vitória, especialmente após resultados negativos nas partidas dentro do Beira-Rio. "Nada melhor que a equipe se dedicando para dar um passo importante para ir à Libertadores", resumiu.

O meia Patrick, que deixou a equipe para a entrada de Nonato na etapa final, destacou as oportunidades criadas e o gol em uma "situação improvável", ao citar a falha de Gatito Fernández no gol de Paolo Guerrero. "Temos mais dois jogos importantes para ficarmos no G8. Hoje era fundamental, tínhamos que ganhar", avaliou.

Agora, o Inter terá pela frente um confronto direto na briga pela Libertadores. O Colorado enfrenta o São Paulo, no Morumbi, às 21h30min, na quarta-feira, em jogo válido pela 37ª rodada do Brasileirão. A equipe ocupa, no momento, a 7ª posição, 54 pontos.