Lindoso aponta semelhanças com Dourado, mas minimiza concorrência
capa

Lindoso aponta semelhanças com Dourado, mas minimiza concorrência

Volante também falou sobre dúvida em outra peça no meio campo, com possível ausência de Edenílson diante do Bahia

Por
Correio do Povo

Rodrigo Lindoso elogiou Dourado e falou que espera retorno do companheiro após parada para Copa América

publicidade

Em entrevista coletiva antes da atividade no Beira Rio, que encaminhará o time do Inter para o duelo contra o Bahia, o volante Rodrigo Lindoso falou sobre a responsabilidade de substituir Rodrigo Dourado, que segue lesionado e só retorna após a parada para a Copa América. 

Lindoso apontou as características em comum com o companheiro, já que os dois atuam em funções parecidas. Ele projetou o retorno de Dourado após a parada para a Copa América, que servirá para esvaziar o Departamento Médico. No entanto, minimizou a concorrência: "Vai dar tudo certo para ele estar disponível na volta. Todo mundo quer jogar, mas é uma briga sadia dentro de campo, que a gente deixa na mão do treinador". 

O volante falou, ainda, sobre outras peças do meio campo. Edenílson segue como dúvida para o confronto contra o Bahia. Caso ele não jogue, o substituto deverá ser Patrick, que entrou bem na derrota para o Vasco no fim de semana. Lindoso destacou as semelhanças entre os companheiros. "Os dois chegam bem a frente, fazem gols. Quem jogar, com certeza vai manter o nível da equipe", frisou. 

Lindoso evitou falar sobre o Palmeiras, adversário nas quartas de final da Copa do Brasil, pelo tempo entre os jogos - o confronto só ocorrerá após a parada, em julho. Preferiu focar no Bahia, e destacou a qualidade do adversário treinado por Roger Machado, que vem fazendo "bons jogos", segundo o jogador Colorado. "É uma equipe que tem pontos fortes. Estamos estudando para saber o que tirar da equipe deles", pontuou.

Projetou, ainda, um possível retorno de D'Alessandro, mesmo admitindo não saber quem sai jogando diante dos nordestinos - o treino desta tarde, no Beira Rio, foi fechado para a imprensa. Segundo ele, a equipe tem mantido um padrão, independente de quem joga, mas pontuou as qualidades do argentino. "Tem muita importância dentro e fora de campo. Pode ser um grande forço pra gente", admitiu.

O Inter encara o Bahia, nesta quarta-feira, às 21h30min, no Estádio Beira Rio, em jogo válido pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro. Trata-se do último compromisso do Colorado antes da pausa para a Copa América.