Marcelo Medeiros afirma que teve recaída por conta do novo coronavírus
capa

Marcelo Medeiros afirma que teve recaída por conta do novo coronavírus

Presidente do Inter relatou febre alta, mas disse que está bem na quarentena

Por
Correio do Povo

Marcelo Medeiros está em quarentena por conta da Covid-19


publicidade

A exemplo de seu colega dirigente Romildo Bolzan Júnior, o presidente do Inter, Marcelo Medeiros, também está em quarentena após ter testado positivo para o novo coronavírus. Ao conversar com o repórter da Rádio Guaíba Cristiano Silva, o mandatário colorado disse que nos últimos dias teve uma recaída por conta da doença. Sintomas de febre alta voltaram a aparecer. Apesar disso, ele garantiu que está bem e que vem sendo monitorado diariamente, principalmente no que diz respeito ao batimento cardíaco e à capacidade respiratória. 

Além de Medeiros, outro dirigente do Inter que foi diagnosticado com o novo coronavírus foi o 3º vice-presidente Humberto Cesar Busnello. Ele passa bem e está em isolamento desde que a testagem para o vírus deu positivo. 

Ajuda 

Nessa terça-feira, o Inter atendeu a solicitação feita pela Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Governo do Estado do Rio Grande do Sul. O pedido foi para utilizar as dependências do Gigantinho para, inicialmente, abrigar o público mais vulnerável, com dificuldade na prevenção e tratamento da Covid-19. 

O clube também afirma que colocou o Centro de Eventos Arthur Dallegrave como suporte, em ação similar à do acolhimento aos desabrigados durante os dias mais frios no inverno do ano passado.


O Inter declarou em nota que "é uma honra prestar ajuda e dar suporte à população do Rio Grande do Sul, que tanto já fez, e faz, pelo Inter".