Nova passagem de Aguirre é marcada pela tranquilidade no Inter

Nova passagem de Aguirre é marcada pela tranquilidade no Inter

Técnico implementou estilo de futebol seguro e ganhou confiança dos jogadores

Fabrício Falkowski

Nova passagem de Aguirre é marcada pela tranquilidade no Inter

publicidade

Muitos aspectos ajudam a explicar a boa fase do Inter, que ostenta oito rodadas de invencibilidade no Campeonato Brasileiro, mas dois são fundamentais: o estilo de liderança imposto por Diego Aguirre, marcado pela tranquilidade, e a ótima fase da dupla Yuri Alberto e Edenilson, responsáveis diretos pela maioria dos gols do time na competição. Depois de vencer o Bahia, domingo, o grupo se reapresentou ontem e iniciou a preparação para a partida contra o Atlético-MG, no próximo sábado, em Belo Horizonte.

A equipe evoluiu taticamente quando o técnico teve tempo para trabalhar. Ou seja, quando o Inter deixou de ter partidas no meio da semana. Segundo pessoas que vivem o dia a dia no CT Parque Gigante, o uruguaio ganhou rapidamente a confiança do grupo. Seu estilo calmo, que não se atormenta em demasia nos tropeços nem se entusiasma demais nas vitórias, e o tipo de futebol pragmático que propôs ao time, conquistaram a simpatia dos jogadores.

Internamente, Aguirre é resumido como um treinador de repertório tático limitado, mas eficiente. Adaptou o estilo às características do grupo. Arrumou a defesa, que parou de tomar gols, alinhou dois volantes no meiocampo e deu espaço para Edenilson, Taison e Yuri Alberto atacarem. Funcionou. O Inter está há oito partidas sem perder e ganhou suas últimas três. Por isso, afastou-se da zona de rebaixamento, aproximou-se do G-6 e agora já passa a mirar a conquista de uma vaga direta na próxima edição da Libertadores.

Veja Também

“Edenilson trabalha muito, se entrega e se dedica. Então, não é uma casualidade. E o Yuri é um jogador com um futuro incrível. Seguramente, vai estar nas principais equipes do mundo, jogando em alto nível, porque é um menino que está evoluindo muito. Tomara que continuem assim”, avaliou o técnico, após a vitória por 2 a 0 sobre o Bahia, quando a parceria funcionou mais uma vez. Em um jogo de poucas alternativas, Edenilson cobrou escanteio e Yuri marcou o gol que abriu o caminho do triunfo.

Porém, o trabalho de Aguirre e o excelente momento dos jogadores colorados terão testes mais duros no futuro próximo. O grupo colorado está treinando para enfrentar fora de casa o Atlético-MG, que é líder do Campeonato Brasileiro com oito pontos de vantagem sobre o segundo colocado. Depois, na quarta-feira, o Inter pega o Ceará, também longe do Beira-Rio.

“O time está bem, mas precisamos lembrar que todos os jogos são difíceis. Estamos com confiança, o time acredita e supera os momentos ruins que acontecem durante o jogo. Passamos a defender muito bem e, em futebol, há duas coisas importantes: defender e fazer gols. Estamos defendendo bem e fazendo os gols. Sempre vamos ter o que melhorar, mas eu estou gostando do time”, resume Aguirre.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895