Odair credita a poucos treinos de finalizações problemas no ataque do Inter
capa

Odair credita a poucos treinos de finalizações problemas no ataque do Inter

Técnico do Inter disse que não pôde fazer esse tipo de treino na pré-temporada

Por
Correio do Povo

Nico López é o único atacante do Inter que fez gol no ano

publicidade

O Inter iniciou 2019 com dificuldade no setor ofensivo. Em cinco jogos no Gauchão, o Colorado marcou somente quatro gols. Apenas um atacante balançou as redes até agora, Nico López. Em entrevista nesta sexta-feira, o técnico Odair Hellmann comentou os problemas no seu ataque.

 

Odair citou que em razão dos trabalhos mais fortes da pré-temporada, os treinos específicos, como os de finalizações, acabam ficando em segundo plano. Ele acredita que isso tem causado dificuldade para os atacantes. “Esse tipo de situação de jogo a gente trabalha pouco no começo da pré-temporada. Os jogadores estão com sobrecarga muscular e você acaba tirando aquela situação de finalizações que eu gosto de trabalhar”, disse Odair, que espera uma evolução nos próximos jogos.

 

“Desde a semana passada a gente conseguiu inserir mais esse tipo de treinos no dia a dia. Os jogadores estão com uma estrutura sólida para a gente buscar esse tipo de refinamento. Certamente, eles vão melhorar e vamos conseguir fazer os gols, como fizemos no ano passado”, projetou.

 

É justamente no setor ofensivo que estão as principais dúvidas do Inter para o jogo contra o Juventude neste domingo, às 17h, no Alfredo Jaconi. Pedro Lucas pode ganhar o lugar de Tréllez no centro do ataque enquanto Pottker briga por uma vaga com Neilton.

 

A provável escalação colorada para a partida em Caxias do Sul tem: Marcelo Lomba; Bruno (Zeca), Moledo, Cuesta, Iago; Edenilson, Dourado; Nico López, D’Alessandro, Neilton (Pottker); Pedro Lucas (Tréllez).