capa

Odair se solidariza com vítimas do Flamengo: “Que as famílias tenham força”

Tragédia no Rio de Janeiro deixou 10 mortos

Odair prestou solidariedade às famílias vítimas de tragédia no Flamengo

publicidade

O técnico do Inter, Odair Hellmann, fez questão de se solidarizar com as famílias das vítimas do incêndio que atingiu o CT do Flamengo na madrugada desta sexta-feira. Antes da coletiva realizada após o treinamento da manhã no CT Parque Gigante, o treinador fez uma manifestação sobre a tragédia no Rio de Janeiro.

“Antes de começar a conversa com vocês, eu gostaria de primeiro me solidarizar com o clube Flamengo e, principalmente, com os familiares desses meninos que estavam nessa tragédia. Peço toda minha força aos familiares, que eles possam ter força e fé para continuar em frente”, disse o treinador, que lembrou que também viveu em alojamentos antes de se tornar jogador profissional.

“Fui um menino desses, morei embaixo de arquibancada, tinha o sonho de me tornar jogador, passei fome e dificuldade. Claro que as estruturas hoje são bem melhores, mas tinha o mesmo sonho que esses meninos tinham. Hoje é um dia difícil para o futebol. Nas minhas orações vou pedir para que essas famílias tenham força”, declarou.

O incêndio no Centro de Treinamento do Flamengo, conhecido como Ninho do Urubu, deixou 10 mortos, oito deles já foram identificados e eram jogadores da base do clube entre 14 e 17 anos. Outros três garotos estão internados em um hospital do Rio de Janeiro