Patrick prega concentração e marcação forte para superar o Grêmio
capa

Patrick prega concentração e marcação forte para superar o Grêmio

Meia vê o time do Inter em evolução, mas atingindo objetivos e crescendo

Por
Correio do Povo e Rádio Guaíba

Patrick alerta para o bom toque de bola e o poder ofensivo do Grêmio

publicidade

O meia Patrick crê que o Inter precisará entrar 100% concentrado, com uma marcação forte e criando rápidas jogadas ofensivas se quiser vencer o Grêmio no primeiro jogo da final do Campeonato Gaúcho no estádio Beira-Rio. Apesar da possibilidade de não poder contar com o companheiro de setor Rodrigo Dourado, o jogador demonstrou confiança nas opções do elenco à disposição de Odair Hellmann.

“Torcemos para que ele possa nos ajudar no domingo, mas, caso não aconteça, temos jogadores de qualidade para suprir a ausência dele. Sem ele, perdemos em todo o contexto, pois é um jogador que está há muitos anos com a camisa do Inter e é o nosso capitão. Se ele não jogar, estaremos bem servidos”, declarou Patrick.

Ao ser questionado sobre a irregularidade demonstrada pela equipe nas últimas partidas, o meia lembrou que todos sabem o que precisam fazer para que o problema não seja repetido. Principalmente, manter o ritmo dos primeiros minutos de jogo durante toda a partida.

• Dourado segue como a dúvida do Inter para o Gre-Nal

“É o maior clássico do Brasil, então, temos que entrar pilhados. Com a adrenalina lá em cima para fazer o melhor e não ser surpreendido. Não estamos aqui para brigar, mas para jogar futebol. Vamos entrar concentrados e dar o melhor para sair com a vitória”, afirmou.

Apesar do desejo de largar na frente na final do Gauchão, Patrick sabe das qualidades do tradicional adversário e pede atenção máxima durante todos os 90 minutos. “O Grêmio tem um bom toque de bola e um poder ofensivo muito forte. Precisamos é ‘jogar o jogo’. Dar o melhor na marcação e, quando tiver com a bola, construir jogadas para finalizar no gol para sairmos com a vitória”, destacou.