"Sempre um jogo especial e que fica na memória", comenta Aguirre sobre Gre-Nal

"Sempre um jogo especial e que fica na memória", comenta Aguirre sobre Gre-Nal

Treinador garante que sabe da importância do clássico para o torcedor colorado

Correio do Povo

Aguirre tem bom retrospecto em clássicos Gre-Nais

publicidade

O Gre-Nal 434 ganhou cortonos de histórico pela situação do Grêmio na tabela do Brasileirão. Do lado do Inter, a intenção é tratar o jogo como mais um do campeonato, mas ciente da importância do clássico de sábado, no Beira-Rio, às 19h, e que pode ser determinante no rebaixamento do maior rival. "Sabemos a importância desse Gre-Nal. Todo clássico é importante. Sabemos que precisamos de uma vitória. Estamos preparados. Sei o que são os Gre-Nais, como jogador e como treinador. Tenho boas lembranças e sei o que significa para a torcida. Estamos bem, felizes e temos que aproveitar. Gre-Nal é especial, marca para o futuro. Fica na memória", falou o técnico Diego Aguirre, aos canais oficiais do clube. 

Em sua segunda passagem por Porto Alegre, o técnico vai para seu quinto clássico. São quatro jogos, uma vitória e três empates, com dois gols marcados e um sofrido. Como jogador, Aguirre atuou no famoso Gre-Nal do século, vencido pelo Inter em 1988. 

Sobre as indefinições na equipe, o treinador uruguaio não adiantou quem irá atuar e que algumas peças podem não aparecer em campo. "A verdade é que temos algumas indefinições. Jogadores que não treinaram. Acho que vamos estar bem e preparados. É cedo para confirmar quem joga e quem não joga. Quem começar, vai estar pronto para um bom desempenho", acrescentou. 

A tendência é que o time colorado receba diversos reforços como os meias Taison e Patrick e o centroavante Yuri Alberto. O treino desta sexta-feira encaminhou o time: Lomba; Saravia, Cuesta, Bruno Méndez e Moisés; Dourado, Lindoso, Edenilson e Taison; Patrick e Yuri Alberto. 

Veja Também


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895