Torcedor que assediou repórter da Rádio Guaíba é suspenso do quadro social do Inter
capa

Torcedor que assediou repórter da Rádio Guaíba é suspenso do quadro social do Inter

Agressor de Laura Gross foi punido pela Comissão de Ética do Conselho Deliberativo e ficará afastado por 12 meses

Por
Correio do Povo

Repórter foi agredida antes do jogo entre Inter x River Plate, pela Libertadores, em abril

publicidade

O torcedor que assediou a repórter Laura Gross, da Rádio Guaíba, no jogo do Inter contra o River Plate, pela Libertadores, no dia 3 de abril, foi punido pelo Conselho Deliberativo do clube. A agressão ocorreu antes da partida, no lado de fora do Beira Rio, quando a repórter foi agarrada à força por um torcedor, que tentou beijá-la. 

O torcedor já havia sido identificado pelo Inter na ocasião. A Comissão de Ética do Conselho Deliberativo do clube decidiu pela suspensão. O agressor irá ficar 12 meses afastado do quadro social do Inter. 

Em seu Twitter, a jornalista comentou a decisão do Inter: