Vitão e Wanderson treinam normalmente e devem estrear pelo Inter

Vitão e Wanderson treinam normalmente e devem estrear pelo Inter

Técnico interino Cauan de Almeida também deve contar com o retorno de Liziero ao meio-campo

Correio do Povo

Atividade foi comandada pelo interino Cauan de Almeida

publicidade

O Inter retomou as atividades na manhã desta terça-feira, no CT Parque Gigante. A boa notícia para os torcedores é que os reforços Wanderson e Vitão treinaram normalmente e devem ser utilizados na partida deste sábado, diante do Fluminense, às 19h, no Maracanã, pela 3ª rodada do Brasileirão.

Vitão esteve concentrado para o duelo contra o Fortaleza no último domingo. Porém, o zagueiro foi dispensado devido a assuntos particulares. É grande a expectativa para que o jovem defensor faça dupla com Rodrigo Moledo, que recentemente voltou a disputar uma partida com a camisa do Inter depois de quase um ano parado. Por sua vez, Wanderson que trabalha no CT Parque Gigante desde o início de março, está em fase final de recuperação de uma lesão muscular.

O técnico interino Cauan de Almeida também terá o retorno de Liziero ao setor de meio-campo. O volante ficou de fora da última partida por uma virose. Taison, com um edema muscular, e Edenílson, com uma edema ósseo no joelho esquerdo, não têm presença confirmada. 

Pelas redes sociais, o clube também divulgou um vídeo em que Alan Patrick aparece fazendo atividades físicas ao redor do gramado para retomar a forma física. Outro nome presente no CT foi David. O atacante se recupera de uma lesão na coxa direita desde o o final de março e treinou normalmente como o elenco. São grandes as chances de que fique à disposição.

Uma das dúvidas que pode ter seu desfecho até amanhã diz respeito ao novo técnico. Inter e Mano Menezes têm conversas avançadas e uma nova reunião entre as partes está marcada nesta terça-feira. A aposta da direção é contar com um treinador experiente e que mantenha o mental do vestiário alinhado.

Veja Também

Com informações do reportér da Rádio Guaíba, Gutiéri Sanchez


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895