Lomba admite domínio por imposição física de rival sobre o Inter na Libertadores
patrocinado por

Lomba admite domínio por imposição física de rival sobre o Inter na Libertadores

Goleiro projetou recuperação imediata do time na Libertadores

AE

Arqueiro acabou sofrendo dois gols na partida

publicidade

A estreia do Inter na Libertadores não foi nem de perto o que a torcida esperava. Logo na saída do gramado, o goleiro Marcelo Lomba reconheceu que a derrota teve méritos do adversário, que soube utilizar a vantagem física ao seu favor para dominar o jogo. Apesar da estreia com derrota, o camisa 1 acredita que o Inter irá se recuperar dentro da competição e vai crescer com o decorrer dos jogos para brigar pela classificação.

Na altitude de 3,6 mil metros de La Paz, o time brasileiro não foi páreo para o Always Ready, da Bolívia, e acabou derrotado por 2 a 0 no estádio Hernando Siles. Essa foi a primeira vitória da história do clube boliviano na principal competição sul-americana.

"Foi mérito da equipe deles. Pressionaram o jogo todo. Fizeram uma marcação muito forte, porque sabiam que teriam vantagem na parte física. Beneficiou na forma deles anularem nosso jogo. Teve muito confronto individual e eles foram melhores. Tiveram a dominância. Vamos melhorar. Não tem jogo fácil e a camisa do Inter é muito forte", enfatizou Lomba.

O Grupo B também registrou a vitória por 3 a 2 do Deportivo Táchira, da Venezuela, sobre o Olímpia, do Paraguai. A segunda rodada da chave vai ter Inter x Deportivo Táchira, terça-feira que vem, no Beira-Rio.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895